Mem Pires de Aguiar

Mem Pires de Aguiar (1100 -?) foi um nobre Rico-Homem e cavaleiro medieval português, foi senhor da Torre do Castelo de Aguiar de Sousa, na localidade de Aguiar de Sousa de onde tomou o nome. Actualmente esta torre é considerada Imóvel de Interesse Público, conforme o Dec. n.º 95/78, DR 210 de 12 de Setembro de 1978. Este monumento faz parte da Rota do Românico do Vale do Sousa[1][2].

Mem Pires de Aguiar
Brasão de Armas.
Nascimento 1100
Condado Portucalense
Nacionalidade Portugal Portugal
Ocupação Foi um Rico-Homem e cavaleiro medieval português, foi senhor da Torre do Castelo de Aguiar de Sousa.

Relações familiaresEditar

Foi filho de Pero Oeriz Guedeão (1070 -?) e de Teresa Aires de Ambia, (c. 1070 -?), filha de Aires Ambia, rico-homem da Corte de Leão. Casou com Maior Garcia, filha de Garcia Afonso, do tronco dos Porto Carreiros e de sua mulher D. Estefânia ou Estefina de quem teve[2][1]:

  1. Pero Mendes de Aguiar (1140 -?) casou com Estevainha Mendes de Gundar (1175 -?), filha de Mendo de Gundar e de D. Goda.

Referências

  1. a b José Augusto de Sotto Mayor Pizarro, Linhagens Medievais Portuguesas - 3 vols, Universidade Moderna, 1ª Edição, Porto, 1999, vol. 2 pág. 7.
  2. a b Manuel José da Costa Felgueiras Gayo, Nobiliário de Famílias de Portugal, Carvalhos de Basto, 2ª Edição, Braga, 1989, vol. I pág. 223 (Alcoforados), vol. IV pá. 433 (Correias) e vol. VI pág. 10 (Guedes).

Ligações externasEditar