Michael Tomasello

Michael Tomasello
Nascimento 18 de janeiro de 1950 (70 anos)
Bartow (Flórida)
Cidadania Estados Unidos
Ocupação antropólogo, psicólogo
Prêmios Bolsa Guggenheim, Prêmio Albertus-Magnus, Prêmio Jean Nicod, Prêmio Internacional da Fundação Fyssen, Prêmio APA por Destacadas Contribuições Científicas para a Psicologia
Empregador Universidade Emory

Michael Tomasello (Bartow, Flórida) é um psicólogo e linguista[1] estadunidense que desempenha a função de co-diretor do Instituto Max Planck de Antropologia Evolutiva, na cidade de Leipzig, Alemanha. Os principais trabalhos publicados são First verbs: a case study of early grammatical development (1992), The Cultural Origins of Human Cognition (1999) e Primate Cognition (1997), em co-autoria com Josep Call. Suas pesquisas privilegiam relações entre cognição e cultura e a cognição em crianças, sobretudo em crianças de 1 a 4 anos e primatas.

Referências

  1. Állan, Sylvio; Souza, Carlos. «O modelo de Tomasello sobre a evolução cognitivo-linguística humana» (PDF). Psicologia: Teoria e Prática. 25 (2). Consultado em 17 de julho de 2020 

Precedido por
John Searle & Giovanni Liotti
Prêmio Mente e Cérebro (M&BP)
Itália

2007
com Cristiano Castelfranchi
Sucedido por
John Kabat-Zinn e Giorgio Rezzonico
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.