Abrir menu principal

Milites Templi, do latim "Soldados do Templo". Foi uma bula papal emitida pelo papa Celestino II em 09 de fevereiro de 1143.[1] Onde ordenou que o clero protegesse os Cavaleiros Templários e encorajou que os fiéis contribuíssem com para com a sua causa. A bula permitiu que os Templários fizessem suas próprias coletas uma vez por ano, mesmo em áreas sob interdito.[2] Esta é uma das mais importantes bulas papais relacionadas ao Templo, e junto com Omne Datum Optimum (1139) e Militia Dei (1145) formam a base para a futura riqueza e sucesso da Ordem.

ReferenciasEditar

  1. DEMURGER Main. Os Cavaleiros de Cristo. Jorge Zahar Editor, Rio de Janeiro, 2002.
  2. Malcolm Barber,A Nova Cavalaria: Uma História da Ordem do Templo, (Cambridge University Press, 1994), 58.