Minamoto no Masasada

Minamoto no Masasada
Udaijin
Dados pessoais
Nascimento 1094
Morte 11 de julho de 1162 (68 anos)
linkWP:PPO#Japão

O príncipe Minamoto no Masasada ( 源雅定 1094 - 1162,[1] também conhecido como Udaijin Nakanoin ?)[2] foi um nobre do Período Heian da história do Japão.

VidaEditar

Masasada foi o segundo filho de Minamoto no Masazane e membro do Ramo Murakami Genji do Clã Minamoto.[3]

CarreiraEditar

Masasada serviu durante os reinados dos Imperadores: Toba (1105 a 1123); Sutoku (1123 a 1142); Konoe (1142 a 1155); Go-Shirakawa (1155 a 1162).

Masasada entra na corte em 1105 durante o reinado do Imperador Toba passando a servir no Konoefu (Guarda do Palácio) com o posto gonushōshō (Capitão da Guarda provisório) aos 12 anos de idade. Em 1111 assume também o posto de Mimasaka Kenkai (governador da província de Mimasaka). E em 1119 foi nomeado Sangi.[3]

Em 1123 , no reinado do Imperador Sutoku,Masasada , foi promovido a Gonchūnagon (Chūnagon provisório),[4] em 1130 foi transferido para o comando do Emonfu (Guarda da Fronteira), em 1131 foi efetivado Chūnagon e passa a ocupar o cargo de Kebiishi Betto (Chefe da Central de Investigações Policiais).[3]

Em 1140 Masasada se torna diretor da escola Shogaku-in, a segunda em importância, atrás somente da Universidade Imperial. Shogaku-in foi fundada em por Ariwara no Yukihira no ano de 881. Ariwara era neto do imperador Saga, e portanto membro do Ramo Saga Genji que passou a dirigir a escola. Mas depois da nomeação de Ariwara os Murakami Genji passaram a ter o controle daquela escola.[5]

Em 1141 Imperatriz Nariko (Bifukumon-in, membro do Murakami Genji) passa a ser a kotaigo (esposa principal) do Imperador Aposentado Toba , com sua ascensão passa a apoiar os membros de seu ramo para que ganhassem influência política. Com isso Masasada concomitantemente a seus outros cargos passa a servir como Kōgōnomiya Taifu (encarregado da criadagem da imperatriz).[6]

Em 1149, no reinado do Imperador Konoe, Masasada foi nomeado Naidaijin e em 1150 foi promovido a Udaijin.[3] Nesta época ocorreu uma luta entre Taira no Kiyomori e Minamoto no Yoshitomo que resultou em setenta mortos entre membros do Clã Taira e do Clã Minamoto. Masasada e Fujiwara no Koremichi foram encarregados de investigar o caso,[2] por trás do fato existia a luta contra a instituição do Insei que em alguns anos será o estopim para a Rebelião Hōgen.[7]

Em 1154 Masasada se aposenta das funções e se torna um monge budista até sua morte em 1162.[3] Como não tinha herdeiros adota: Masamichi (1118-1175, filho de seu irmão Akimichi) e Sadafusa (1130-1188, filho de Masakane e neto de Akifusa).[3]

Precedido por
Minamoto no Masazane
  -- 5º Líder dos Murakami Genji
(1124 -1154)
Sucedido por
Minamoto no Masamichi
Precedido por
Minamoto no Masazane
  -- 2º Líder dos Ramo Koga do Clã Minamoto
(1124 -1154)
Sucedido por
Minamoto no Masamichi
Precedido por
Sanjō Saneyuki
72º Udaijin
(1150 - 1154)
Sucedido por
Fujiwara no Munesuke
Precedido por
Fujiwara no Yorinaga
25º Naidaijin
(1149 - 1150)
Sucedido por
Tokudaiji Saneyoshi



Referências

  1. Berend Wispelwey; Japanese Biographical Index (em inglês) Walter de Gruyter, 2004 p. 513 ISBN 9783110947984
  2. a b Hakuseki Arai, Joyce Irene Ackroyd; Lessons from history: the Tokushi yoron (em inglês) University of Queensland Press, 1982 p. 50 ISBN 9780702214851
  3. a b c d e f Minamoto no Masasada in Reichs Archiv (em japonês) página visitada em 22/11/16
  4. Gerhild Endress, Ursula Meinert, Hans Adalbert Dettmer, Japanische Regierungs (em alemão) Otto Harrassowitz Verlag, 2000 p. 157 ISBN 9783447043083
  5. Frank & Kikuchi Brinkley, A History of the Japanese People From the Earliest Times to the End of the Meiji Era (em inglês) Library of Alexandria, 1912 p.363 ISBN 9781465513045
  6. Fujiwara no Nariko in Alchetron, página visitada em 24/11/2016
  7. Isaac Titsingh, Annales des empereurs du Japon (em francês) Paris: Royal Asiatic Society, Oriental Translation Fund of Great Britain and Ireland. p. 189 . (1834) OCLC 5850691