Motorista sem Limites

Motorista sem Limites
 Brasil
1970 [1] •  cor •  90 min 
Direção Milton Barragan [1]
Produção Teixeirinha Produções [1]
Roteiro Milton Barragan
Elenco Teixeirinha
Mary Terezinha
Walter D'Avila
Jimmy Pipiolo
Walter D'Ávila
Rejane Schumann
Género road movie
comédia
aventura
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

Motorista sem Limites é um filme brasileiro de 1969, estrelado pelo cantor e compositor Teixeirinha, dirigido por Milton Barragan,[1] dos gêneros comédia e aventura. Esse foi o segundo filme de Teixeirinha, assim como o primeiro "Coração de Luto" Teixeirinha protagonizou, produziu e escreveu o filme. O filme estreou em agosto de 1969, e teve um público de 1.808.513 pessoas, sendo o segundo filme mais assistido de 1969 e, atrás apenas de Roberto Carlos e o diamante cor de rosa, com mais de 2,6 milhões.[1]

SinopseEditar

Jorge (Teixeirinha) e Apolônio (Jimmy Pipiolo) viajam alegres pela estrada, num caminhão, cantando. No rádio escutam a notícia do assalto a um Banco. Na cidade, o detetive Leão (Walter D’Ávila) aceita cuidar de um novo caso: prender os assaltantes... Os assaltantes enquanto fogem da polícia tem seu carro quebrado e, para se refugiarem, abrigam-se na casa de Angelita (Mary Teresinha) e seu pai. Sempre no encalço dos ladrões, o detetive se disfarça de padre e vai até a casa de Angelita, onde acaba sendo refém dos ladrões. A história vai se desenvolvendo em meio a muitas peripécias e desencontros.

ElencoEditar

Ator
Teixeirinha
Mary Terezinha
Jimmy Pipiolo
Walter D'Ávila
Jason Natanael
Ivan Trilha
Oswaldo D'ávila
Liorrey Gomes
Nelson Lima
Antônio Mardini
Rejane Sshumann
Dionísio Stelo

Trilha SonoraEditar

  • Remo Usai

Referências

  1. a b c d e Agência Nacional do Cinema, Filmes nacionais com mais de um milhão de espectadores (1970/2010) por ano de lançamento [em linha]
  Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.