Museu Anjos Teixeira

museu em Sintra

O Museu Anjos Teixeira localiza-se na vila de Sintra, sede do município homónimo, do distrito de Lisboa, em Portugal.

Museu Anjos Teixeira
Inauguração 1976
Proprietário atual Câmara Municipal de Sintra
Website http://museuvirtual.cm-sintra.pt/mat/
Geografia
País Portugal Portugal
Cidade Sintra
Localidade Azinhaga da Sardinha • Volta do Duche • Rio do Porto
Coordenadas 38° 47' 49" N 9° 23' 14" O
Escultura "Nu Feminino" de Pedro Anjos Teixeira (Coleção do Museu Anjos Teixeira).

O seu espólio é constituído pelo legado artístico de dois grandes escultores portugueses contemporâneos – Artur Anjos Teixeira (1880-1935) e Pedro Anjos Teixeira (1908-1997), respectivamente pai e filho. Em exposição permanente encontra-se grande parte da obra dos dois escultores (mármores, gessos, bronzes, maquetas, desenhos, esboços e modelos). Destacam-se os trabalhos figurativos de temática humana e animal, com especial realce para as representações dos homens e mulheres do povo, fixados pelos dois escultores nas suas diversas profissões, atitudes e trajos característicos.

O museu encontra-se instalado em um edifício do início do século XX, construído para azenha, que, na Azinhaga da Sardinha, aproveitava as águas do rio do Porto. Mais tarde, foi transformada em serração de pedra, tendo sido, por fim, adquirida pela Câmara Municipal de Sintra para um depósito de viaturas municipais. Foi requalificado e reinaugurado como museu em 1976.

Desde então até 1982, o museu passou a exibir a quase totalidade das obras dos dois escultores que possuíam uma vasta variedade de temas, entre eles a anatomia humana e animal, esculturas religiosas e obras que tratavam das diversas profissões da época. Em 1982 , o museu foi fechado para restauração e ampliação do ambiente e, de acordo com a escritura do local, datada de 1974, no local deveria ser construídas dependência para uso privado do doador.[1]

Sob tal contexto, o Mestre passou a morar no museu, fazendo do espaço uma Casa-Museu de 1977 à 1992, ministrando aulas de escultura a jovens no período.[1]

Recentemente, o museu recebeu uma pintura interna com tons mais claros a fim de diferenciar claramente o que era parte da estrutura do que era objeto de exposição. Com a repaginação, foi feito também o tabelamento de todas as obras do acervo.[1]

ReferênciasEditar

  1. a b c «Museu Anjos Teixeira». 26 de maio de 2015. Consultado em 25 de setembro de 2017 
 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Museu Anjos Teixeira

Ligações externasEditar