Nicanor Zabaleta
Nascimento 7 de janeiro de 1907
San Sebastián
Morte 31 de março de 1993 (86 anos)
San Juan
Sepultamento Cemitério de Polloe
Cidadania Espanha
Alma mater Real Conservatório Superior de Música de Madri
Ocupação harpista
Prêmios Prêmio Nacional de Música, Grã-Cruz da Ordem Civil de Afonso X, o Sábio, Medalha de Ouro por Mérito no Trabalho, Medalha de Ouro do Mérito nas Belas Artes

Nicanor Zabaleta (San Sebastián, Espanha, 7 de janeiro de 1907San Juan, Porto Rico, 31 de março de 1993) foi um virtuoso da harpa espanhol.

BiografiaEditar

Em 1914, seu pai, um músico amador, comprou-lhe uma harpa numa antiga loja. Começou recebendo lições de Vincenta Tormo de Calvo (Faculdade do Conservatório de Madrid) e Luiza Menarguez. Em 1925, iniciou estudos em Paris, onde seus professores foram Marcel Tournier e Jacqueline Borot. Foi nessa cidade que ocorreu sua estreia oficial. Depois, viajou aos Estados Unidos e em 1934 fez sua estreia naquele país. Em um concerto em Puerto Rico, em 1950, conheceu Graziela, com quem se casou em 1952. Eles retornaram à Espanha e Zabaleta empreendeu uma turnê pela Europa. Durante os anos de 1959-1962, conduziu aulas de harpa nos cursos da Accademia Musicale Chigiana, em Siena.

Zabaleta interpretou sobretudo música do século XVIII, mas também música antiga e moderna. Entre os que compuseram para ele, encontram-se Alberto Ginastera, Darius Milhaud, Heitor Villa-Lobos, Walter Piston, Ernst Krenek e Joaquin Rodrigo. Estima-se que Zabaleta tenha vendido quase três milhões de gravações.

Em seu último concerto, realizado em 16 de junho de 1992 em Madrid, sua saúde começou a decair. Faleceu em San Juan, no Porto Rico.

Ver tambémEditar

  A Wikipédia possui o
Portal da Música