Abrir menu principal

Organização dos Arquitectos Modernos

A Organização dos Arquitectos Modernos (ODAM) foi uma organização criada por um grupo de arquitetos do Porto, que existiu de 1947 a 1952.

A ODAM tinha como objectivo defender e divulgar os pontos de vista profissionais da arquitectura moderna.

Esta organização foi responsável pela elaboração de uma exposição à Camara Municipal do Porto (1949) e por uma Exposição de Arquitectura realizada no Ateneu Comercial do Porto (1951).

Os arquitetos Viana de Lima, António Lobão Vital, António Matos Veloso, Arménio Taveira Losa, Luís José Oliveira Martins e Mário Bonito, membros da ODAM, apresentaram as suas teses no I Congresso Nacional de Arquitectura, realizado em Lisboa em maio-junho de 1948.

A ODAM mantinha contato com o coletivo Iniciativas Culturais Arte e Técnica (ICAT), grupo de arquitetos de Lisboa com objetivos semelhantes, que editou a revista Arquitectura e organizou as Exposições Gerais de Artes Plásticas (EGAP) em que vários arquitetos expuseram projetos de arquitetura a par das obras de artes plásticas. No seio da ICAT tiveram origem grande parte das teses apresentadas ao I Congresso Nacional de Arquitectura.

IntegrantesEditar