Os Meninos do Brasil (álbum)

Os Meninos do Brasil é o décimo-quarto álbum de estúdio da dupla sertaneja Chitãozinho & Xororó, lançado em 1989 e marcado pela estreia da dupla na gravadora Polygram, onde se tornaram os artistas de um gênero fora da MPB a venderem mais discos na gravadora em anos.[3] Os sucessos do álbum foram "Nascemos Pra Cantar", uma versão em português para o hit do country americano "Shambala" de B.W. Stevenson, "Somos Assim", "Página Virada" e uma regravação de "No Rancho Fundo", composta por Lamartine Babo e Ary Barroso na década de 1930, e que entrou na trilha sonora da novela global Tieta.

Os Meninos do Brasil
Álbum de estúdio de Chitãozinho & Xororó
Lançamento 1989
Gravação 1989
Gênero(s) Música sertaneja
Duração 45:15
Idioma(s) Língua portuguesa
Formato(s) CD, K7, LP
Gravadora(s) Polygram
Produção José Homero Bettio
Cronologia de Chitãozinho & Xororó
Nossas Canções Preferidas
(1988)
Cowboy do Asfalto
(1990)
Singles de Cowboy do Asfalto
  1. "Nascemos Pra Cantar"
    Lançamento: 1989
  2. "No Rancho Fundo"
    Lançamento: 1989
  3. "Página Virada"
    Lançamento: 1990[1]
  4. "Somos Assim"
    Lançamento: 1990[2]

FaixasEditar

N.º TítuloCompositor(es) Duração
1. "Somos Assim"  Paulo Debétio / Paulinho Rezende 4:49
2. "O Rio"  César Augusto / Mário Marcos 3:48
3. "Nascemos Pra Cantar (Shambala)"  Danny Moore (versão: Chitãozinho e Xororó) 3:03
4. "Brigas"  Evaldo Gouveia / Jair Amorim 3:14
5. "São Coisas da Vida"  Joel Marques / Xororó 3:54
6. "Amor Incomum"  César Augusto / Chitãozinho e Xororó 3:54
7. "Os Meninos do Brasil"  César Augusto / Antônio Carlos de Carvalho / José Homero 4:46
8. "Terra Amante"  Carlos César / Wally Macedo 4:18
9. "Página Virada"  José Augusto / Paulo Sérgio Valle 4:27
10. "No Rancho Fundo"  Ary Barroso / Lamartine Babo 4:14
11. "Recomeçar"  Maurício Duboc / Carlos Colla 4:48

Ficha TécnicaEditar

  • Direção Artística: Mayrton Bahia
  • Direção de produção: Paulo Debétio
  • Produção: José Homero Bettio
  • Coordenação de produção: Maria Helena
  • Técnicos de gravação: Luís Paulo Serafim e Helder
  • Arranjos: Julio César Teixeira, Evencio Raja Martinez, Benedito Costa e Daniel Salinas
  • Técnicos de Mixagem: Luís Paulo Serafim
  • Auxiliares: Paulo e Rui
  • Supervisão técnica: Paulo Succar
  • Corte: José Antonio
  • Gravado 24 canais no Mosh Studios - São Paulo
  • Capa: Arthur Fróes
  • Arte: Ayssa Bastos
  • Fotos: José Luiz Pederneiras

Referências

  1. «Faixa Quente > Rádios/As Mais Tocadas». Jornal do Brasil (85): 42. 42 páginas. 2 de julho de 1990. Consultado em 2 de novembro de 2021 .
  2. «Faixa Quente > Rádios/As Mais Tocadas». Jornal do Brasil (10): 37. 47 páginas. 7 de novembro de 1990. Consultado em 2 de novembro de 2021 .
  3. Cravo Alvin. «Discografia». Consultado em 27 de julho de 2013