Os parídeos — também conhecidos como chapins — são pássaros que integram a família Paridae e habitam do Hemisfério Norte ao sul da África, muitos emitem um largo e complexo repertório vocal. O auge de sua diversidade é expressa nos Himalaias, onde as espécies exibem a maior pluralidade de cristas, máscaras, babadores e cores da família. [1]

Como ler uma infocaixa de taxonomiaParidae
Lophophanes cristatus
Lophophanes cristatus
Classificação científica
Domínio: Eukaryota
Reino: Animalia
Sub-reino: Metazoa
Filo: Chordata
Subfilo: Vertebrata
Infrafilo: Gnathostomata
Superclasse: Tetrapoda
Classe: Aves
Subclasse: Neognathae
Ordem: Passeriformes
Subordem: Passeri
Infraordem: Paridae
Superfamília: Passeroidea
Família: Paridae

ReproduçãoEditar

Integram-se a bandos heterogêneos de múltiplas espécies, porém usualmente são monogâmicos na construção e habitação do ninho. Durante a primavera e o início do verão, o casal — fêmea e macho — defendem seu território de reprodução e criam sua prole. No final do verão, os jovens se dispersam de seu território natal e os adultos formam bandos com outros indivíduos não-parentais e coespecíficos — incluindo outras espécies.[2]

SociabilidadeEditar

Dentro do bando é desenvolvido estável hierarquia de dominação e, consequentemente, o status social afeta a capacidade adaptativa de cada indivíduo devido à diferença no acesso ao alimento e aos parceiros sexuais, bem como diferença na exposição a predadores uma vez que os subordinados são forçados à forragear na periferia durante a exploração do grupo explora por alimentos.[2]

HábitatEditar

Os parídeos habitam desde florestas de coníferas no hemisfério norte à florestas úmidas no hemisfério sul, além disso um pequeno número de espécies ocupa desertos e hábitat semi-árido. Nidificam usualmente em cavidades de árvores e alguns em orifícios na terra, os ninhos são forrados com musgos e pêlos; ocupam tanto cavidades criadas por outros pássaros, como também são capazes de escavá-las quando o tronco está maleável devido ao apodrecimento.[3]

GênerosEditar

Veja tambémEditar

ReferênciasEditar

  1. «Paridae - Tits, Chickadees, and Titmice - Birds of the World» (em inglês) 
  2. a b Krams, Indrikis (5 de julho de 2012). «Linking social complexity and vocal complexity: a parid perspective». The Royal Society 
  3. «Paridae Family - ITIS Report». Consultado em 15 de abril de 2020 
Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
  Imagens e media no Commons
  Diretório no Wikispecies