Parque Eólico Cristalândia

Torres eólicas no Parque Eólico Cristalândia

O Parque Eólico Cristalândia é um complexo eólico localizado no distrito de Cristalândia, no município brasileiro de Brumado. É o sexto a ser construído no Estado. O parque opera em 90 megawatt, mais de 350 gigawatt por hora ao ano, com capacidade para atender cerca de 170 mil famílias. Inicialmente foi investido o valor de cerca 190 milhões de dólares. O projeto foi premiado pelo Leilão de Fontes Alternativas (LFA) em abril de 2015, e a Enel Green Power Brasil Participações Ltda (EGPB) assinou contrato de fornecimento de energia eólica na região por 20 anos, a partir de 2017.[1] O complexo entrou em operação em 24 de julho de 2017. Com seu funcionamento, o Brasil passa a reduzir em 118 mil toneladas a emissão de dióxido de carbono (CO2).[2][3] Embora o projeto vise à instalação da maior parte do parque em território brumadense, uma parcela das torres serão instaladas também entre os municípios de Dom Basílio e Rio de Contas, que fazem divisa com Brumado.[4][5]

Referências

  1. Luísa Cortés. «Energia». Consultado em 7 de setembro de 2016 
  2. Bol notícias. «Enel inicia construção do parque eólico de Cristalândia». Consultado em 7 de setembro de 2016 
  3. Enel. «Enel inicia operações do parque eólico Cristalândia no Brasil». Consultado em 26 de julho de 2017 
  4. Estadão. «Enel inicia construção de parque eólico de US$ 190 milhões na Bahia». Consultado em 7 de setembro de 2016 
  5. R7 notícias. «Enel vence leilão e construirá parque eólico de 90 MW na Bahia». Consultado em 7 de setembro de 2016