Parque Nacional da Chapada das Mesas

Parque Nacional da Chapada das Mesas de nível Federal, localizado (a) em Riachão (MA), Estreito (MA), Carolina (MA)
Parque Nacional da Chapada das Mesas
Categoria II da IUCN (Parque Nacional)
Localização  Maranhão,  Brasil
Localidade mais próxima Carolina, Riachão e Estreito
Dados
Área &0000000000001599.5200001 599,52 quilômetro quadrados (159 952,0 ha)[1]
Criação 12 de dezembro de 2005 (15 anos)
Gestão ICMBio
Coordenadas 7° 19' S 47° 20' 06" O
Parque Nacional da Chapada das Mesas está localizado em: Brasil
Parque Nacional da Chapada das Mesas

O Parque Nacional da Chapada das Mesas é uma unidade de conservação que abrange 160 046 hectares de Cerrado nos municípios de Carolina, Riachão, Estreito, no centro-sul do Maranhão.

HistóricoEditar

A criação do parque fez parte do esforço dos órgãos ambientais do Governo Federal para elevar a área protegida no Cerrado. Na época de sua criação, pouco mais de 2,5% do bioma estava resguardado em unidades de conservação federais e estaduais. Conforme a direção de ecossistemas do Ibama - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, a pressão para novos desmatamentos impulsionados por carvoarias e abertura de novas frentes para a agropecuária é muito forte, tratando-se de uma corrida contra o tempo para salvar grandes remanescentes.[2]

A região que agora está abrigada dentro do Parque Nacional é extremamente rica em espécies de animais e de plantas, sem falar no alto potencial turístico em decorrência das belezas naturais da Chapada das Mesas. Os planos do Governo Federal incluíam a criação de novas áreas protegidas no Maranhão, formando um "mosaico" com parques e reservas estaduais e federais e terras indígenas. A criação do parque era debatida e avaliada desde 2004, mas ganhou força em 2005, com a realização de estudos de campo que comprovaram o valor ecológico, social, econômico e cultural da região.[2]

EtimologiaEditar

A origem do seu nome se dá em razão de seus platôs, que lembram o formato de mesas de pedra, por meio de seus paredões de rocha de arenito formados há milhões de anos.[3]

GeografiaEditar

 
O Morro do Chapéu, considerado um dos símbolos da região.

Criado em 2005, o Parque Nacional da Chapada das Mesas é composto por florestas de buritizais, sertões, relevo de chapadas vermelhas, compondo um conjunto de curiosas formações rochosas, cânions, cavernas e cachoeiras. [3]

As cachoeiras que mais se destacam são a de São Romão e a Cachoeira da Prata, São Romão possui o maior volume de água da região. Essas cachoeiras ainda são pouco exploradas, devido a dificuldade do deslocamento ate elas, que tem que ser feito com a ajuda de guias locais e por caminhonetes com trações 4x4. Outras atrações são o trekking até o Morro das Figuras (com inscrições rupestres) e trilhas ecológicas, como a do Morro do Chapéu.[4]

A Pedra Caída é um complexo particular de 12.000 ha administrado pela empresa PIPES, seu interior possui uma variedade de cachoeiras. A principal delas batizada de santuario, despenca de uma altura de 46 metros. O local possui teleférico e heliporto oferece tambem a possibilidade para a pratica de diversos esportes radicais como rapel e tirolesa. [3]

O Morro do Chapéu é um dos ponto mais alto da Chapada das mesas. O trekking até o Morro do Chapéu é uma subida de 365 metros em rocha arenítica, exigindo preparo físico e habilidade dos praticantes.[3]

Reserva Natural Cachoeira do Rio CocalEditar

Localizada em na cidade de Riachão, em uma propriedade privada cortada pelo Rio Cocais, onde se formam 3 cachoeiras: Santa Bárbara, a dos Namorados e a de Santa Paula.As principais atrações são os piscinas de aguas naturais e cristalinas apelidados de poço azul e encanto azul, eles possuem tons esverdeados e azulados respectivamente. [3] A cachoeira de Santa Bárbara tem uma queda de cerca de 75 metros de altura. Na reserva, também há trilhas que acompanham o leito do Rio Cocais, em meio ao Cerrado Maranhense.[3] A cidade de Riachão é conhecida pelas cachoeiras, rios, trilhas e cânions.[3]

Vista panorâmica do Poço Azul.

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Decreto que cria o Parque Nacional da Chapada das Mesas». Legislação Federal. DOU DE 13/12/2005 P2. 12 de dezembro de 2005. Consultado em 15 de fevereiro de 2010 
  2. a b CGTI, Administrador. «Novo parque protege 160 mil hectares de Cerrado». www.mma.gov.br. Consultado em 10 de janeiro de 2019 
  3. a b c d e f g «Chapada das Mesas |». Consultado em 10 de janeiro de 2019 
  4. «PARNA da Chapada das Mesas | Unidades de Conservação». uc.socioambiental.org. Consultado em 10 de janeiro de 2019 

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre Unidades de Conservação da Natureza é um esboço relacionado ao Projeto Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.