Paulo César Vinha

Paulo César Vinha, (?, ? de ? — Guarapari, 28 de abril de 1993) foi um biólogo e militante ambientalista brasileiro.

Foi assassinado em Guarapari, no estado do Espírito Santo, mais especificamente na Praia d'Ulé, devido a sua resistência à retirada lícita de areia pertinente a uma área de restinga.

Paulo liderava uma campanha de preservação das áreas de restinga, o que ia de encontro aos interesses de empresários extrativistas que atuavam na região.

Os autores do crime foram os irmãos Ailton Barbosa Queiroz, o autor dos disparos, e José Barbosa Queiroz. Ambos foram condenados pelo assassinato em segundo julgamento.

Depois de sua morte, foi homenageado com seu nome no Parque Estadual Paulo César Vinha.


Referências

Ligações externas editar

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.