Abrir menu principal

Pedro Ceolin

político brasileiro
Pedro Ceolin
Nascimento 28 de maio de 1932 (87 anos)
Colatina
Cidadania Brasil
Ocupação político

Pedro Ceolin Sobrinho (Colatina, 28 de maio de 1932) é um político e comerciante e produtor rural brasileiro. Exerceu o mandato de deputado federal constituinte em 1988.[1]

Filho de Guerino Ceolin e Maria Catelan Ceolin, estudou até o primário[1].

Ao longo de sua carreira política também foi vereador em Linhares (1959 - 1963) e Senador pelo Espírito Santo (1971 a 1979). Já foi filiado à Arena (1971-1979), ao; PDS, 1980- ? e ao Partido de Frente Liberal[1], hoje mais conhecido como Democratas, de posicionamento de centro-direita. O PFL, que contava com Ceolin como deputado, também tinha em 1985 Moacyr Dalla como senador[2].

Quando o senador José Ignácio Ferreira foi convidado para ser o líder do governo no Senado pelo então presidente Fernando Collor em 1990, foi necessário que Ignácio trocasse de partido, que na época era o PSDB. Por conta de turbulências após essa saída, ele fez uma coligação entre seu novo partido, Partido Social Trabalhista, e outros cinco: PMN, PRP, PSC, PFL e PDS, o que gerou a Frente Progressista Liberal[2]. Após acordo, o PFL indicaria um candidato a vice-governador para fazer parte da chapa de Ignácio, e quem venceu foi Pedro Ceolin. Porém, os principais aliados de Ignácio se negaram a subir no palanque se Ceolin realmente fosse parte da chapa, por conta de diversas acusações contra o deputado. Ceolin, ao contrário do esperado, não renunciou, e isso enfraqueceu muito a campanha de José Ignácio[2].

Como constituinte participou em 1987, como titular da Subcomissão do Sistema Financeiro, da Comissão do Sistema Tributário, Orçamento Finanças, e, como suplente, Subcomissão da Educação, Cultura e Esportes, da Comissão da Família, da Educação, Cultura e Esportes, da Ciência e Tecnologia e da Comunicação.

Na Câmara dos Deputados foi titular (1983- 1986) da Comissão de Agricultura e Política Rural e suplente (1983- 1985) da Comissão de Comunicação e Informática. Também teve atuação, como suplente na CPI sobre Relações Econômicas Brasil-Polônia, em 1985[1].

Referências

  1. a b c d «Pedro Ceolin Sobrinho». Câmara dos Deputados. Consultado em 6 de janeiro de 2018 
  2. a b c Pires PEREIRA, Valter; José de OLIVEIRA, Ueber (2008). «Eleições no Espírito Santo: da hegemonia do PMDB à fragmentação partidária (1982/1992)». Revista Ágora. Consultado em 25 de setembro de 2018 
  Este artigo sobre um político brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.