Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde Março de 2011). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Searchtool.svg
Esta página ou seção foi marcada para revisão, devido a incoerências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a coerência e o rigor deste artigo.

Este artigo provavelmente faz confusão entre duas cidades de nome parecido

Pelene na LacôniaEditar

Pellana ou Pellene ou Pellane (Πέλλανα ou Πελλήνη) foi uma importante cidade da Grécia Antiga, localiada na Lacônia. Durante a Civilização Micênica foi a capital da Lacônia. Hoje é uma pequena vila.

Está instalada em uma elevação que faz parte dos montes Taygetos, cerca de 170 m acima do nível do mar. Na mitologia grega, foi a residência de Tíndaro quando foi expulso de Esparta por seu irmão Hipocoonte e os filhos deste.[1] A cidade foi tomada pelo rei espartano Ágis I, mas logo depois Arato de Sicião derrotou os espartanos, que abandonaram Pellana após um acordo.[2]

Pelene na AcaiaEditar

Pausânias, no século II d.C., visitou Pellene, e a descreveu detalhadamente em seu livro Descrição da Grécia. O nome da cidade tem duas origens: segundo os habitantes da cidade, era devido ao titã Palas, mas, segundo os argivos, devido a Pellen, um argivo, filho de Forbas, filho de Triopas.[3]

Referências

  Este artigo sobre História ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.