Pensão Maloca

Pensão Maloca
Autor(es) Miguel M. Abrahão
Idioma português
País Brasil
Lançamento 1977

Pensão Maloca é uma peça teatral[1] em dois atos escrita por Miguel M. Abrahão em 1977 e publicada, pela primeira vez, em 2009 no Brasil.

SinopseEditar

Pensão Maloca, comédia de costumes, traz como protagonista a velha Maria, dona de uma pensão classe média baixa, mãe de cinco filhas, que, por motivos não revelados, decide casá-las, oferecendo-as aos tipos mais esquisitos. Este comportamento estranho da personagem, torna claro para a platéia que ela não está diante de uma figura matriarcal e zelosa, como seria previsível. Certos interesses pessoais impulsionam a velha Maria e virão à tona no decorrer da história, afinal - característica constante da obra desse autor![2] - nem tudo é o que parece ser. Apesar de ter sido o primeiro sucesso do dramaturgo, ao ser encenada ainda em 1977, esta é uma das peças de sua obra que foi menos representada, pois ficou indisponível pela SBAT durante anos a pedido do próprio Miguel.[3]

BibliografiaEditar

COUTINHO, Afrânio; SOUSA, J. Galante de. Enciclopédia de literatura brasileira. São Paulo: Global; Rio de Janeiro: Fundação Biblioteca Nacional, Academia Brasileira de Letras, 2001: 2v.

Referências

  1. UFSC
  2. [1]OLIVEIRA, Jorge Matos de, "O Teatro de Miguel M. Abrahão: Em busca de uma Identidade Ilusória"
  3. [2] MENDONÇA, Débora - "Literatura Avaliada"

Links externosEditar

  Este artigo sobre um livro é um esboço relacionado ao Projeto Literatura. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.