Perseu da Macedónia

(Redirecionado de Perseu da Macedônia)

Perseu (em grego Περσεύς; Pela, c. 212 a.C. — Alba Fucens, 165 a.C.) foi o último rei da dinastia antigônida. Foi o último de sua linhagem, que começou após a morte de Alexandre, o Grande e terminou com a Batalha de Pidna (168 a.C., quando a Macedónia tornou-se parte do Império Romano.

Perseu da Macedónia
Nascimento 212 a.C.
Pela
Morte 166 a.C.
Alba Fucens
Progenitores
Cônjuge Laódice
Filho(s) Alexander
Irmão(s) Apama, Demetrius, Philippus
Ocupação militar

Em 179 a.C., Filipe V da Macedónia morreu. No ano anterior, executou seu filho Demétrio, a mando de Perseu, que o acusava de pretender usurpar o trono. No poder, Perseu renovou o tratado com Roma, mas suas próximas ações começavam a preocupar a República Romana.

Logo os dois lados entraram em conflito na Terceira Guerra Macedónica (171-168 a.C.). Perseu, por fim, se rendeu ao general romano Lúcio Emílio Paulo Macedónico após sua derrota definitiva na Batalha de Pidna e da prisão de seu meio-irmão Filipo em Roma. O reino da dinastia antigônida estava dissolvido e substituído por quatro repúblicas, até que a região se tornasse a Província Romana da Macedónia.

Ver tambémEditar

Precedido por
Filipe V
Rei da Macedónia
179 a.C.168 a.C.
Sucedido por
Fim do reino (houve uma tentativa por Adrisco de restaurar o reino)
 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Perseu da Macedónia


  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.