Pilar López de Ayala

Atriz espanhola

Pilar López de Ayala (Madrid, 18 de setembro de 1978) é uma atriz espanhola.

Pilar López de Ayala
Nome completo María del Pilar López de Ayala Arroyo
Nascimento 18 de setembro de 1978 (43 anos)
Madrid, Flag of Spain.svg Espanha
Nacionalidade espanhola
Ocupação atriz
Outros prémios
Prémio Goya Melhor Atriz
2000 - Juana, la Loca

CarreiraEditar

Pilar fez sua estreia como atriz em 1995, no filme infantil espanhol El niño invisible, logo após o filme, interpretou Arancha na série de curta duração Yo, una mujer e participou de alguns episódios da série Menudo es mi padre.

Entre 1997 e 1999, estrelou a série adolescente Al salir de clase e no último ano do milênio esteve no filme Cuando vuelvas a mi lado e no curta El paraíso perdido,[1] que foi nomeado aos Prémios Goya.

Em 2000, teve um ano movimentado onde fez uma ponta na série Hospital Central e no filme La gran vida, estrelado por Salma Hayek, tendo também participado do curta Aviso de Bomba e dos filmes Báilame el agua e Besos para todos.

No ano de 2001, é protagonista do filme Juana la Loca, que lhe rende cinco prêmios de melhor atriz.[2][3][4][5]

Em 2004, interpretou a atriz e cantora peruana Micaela Villegas, mais conhecida como La Perricholi no filme de língua inglesa The Bridge of San Luis Rey.

No ano seguinte, esteve presente no drama Obaba, e em 2006, nos filmes Bienvenido a casa e Alatriste e nos curtas Mujer esperando al tranvía e Tren Estrasburgo: París.

Pilar participa em 2007 dos filmes En la ciudad de Sylvia e Las 13 rosas.

En 2008, Pilar participa de seu segundo filme de língua estrangeira, o francês Comme les autres e do espanhol Solo quiero caminar.

Dois anos depois, Pilar novamente atua em um filme de língua estrangeira, o português O Estranho Caso de Angélica, onde interpreta a personagem que dá nome ao filme, atua também no filme hispano-brasileiro Lope, que narra a vida do poeta espanhol Lope de Vega, onde ganha o prêmio de melhor atriz da União de Atores da Espanha.[6]

No ano de 2011, Pilar, estrela ao lado de Javier Drolas, o filme argentino Medianeras, atua também no thriller de língua inglesa Intruders e interpreta várias personagens no filme de ficção científica Buenas noches, España, após estes filmes, Pilar passou três anos longe dos sets de filmagens, retornando para gravar o filme americano Night Has Settled.

Em 2016, grava a comédia Rumbos e no ano seguinte o filme de aventura italiano Aggada.

FilmografiaEditar

FilmesEditar

Ano Título original Título em português Personagem
2017 Agadah Rebecca
2016 Rumbos Caminhos Lucía
2014 Night Has Settled A Noite Acalmou Luna Nicholas
2011 Intruders Intrusos Luisa
Buenas noches, España Varios
Medianeras Medianeras: Buenos Aires na Era do Amor Virtual Mariana
2010 Lope Lope Elena Osorio
O Estranho Caso de Angélica O Estranho Caso de Angélica Angélica
2008 Sólo quiero caminar Só Quero Caminhar Paloma Molina
Comme les autres Baby Love Josefina María Paredes (Fina)
2007 Las 13 rosas 13 Rosas Blanca Brisac
En la ciudad de Sylvia Na cidade de Sylvia Ella
2006 Alatriste PRT: Capitão Alatriste
BRA: Alatriste
Mujer de Malatesta
Bienvenido a casa Eva
Mujer esperando al tranvía -
Tren Estrasburgo: París -
2005 Obaba Obaba Maestra
2004 The Bridge of San Luis Rey A Ponte de San Luis Rey Micaela Villegas (La Perricholi)
2001 Juana la Loca Joana, a Louca Joana de Castela
2000 Besos para todos Beijos para todos Rocío
Báilame el agua María
La gran vida Por uma Boa Vida -
Aviso de bomba Natalia
1999 El paraíso perdido -
Cuando vuelvas a mi lado Lidia niña
1995 El niño invisible Hermana

SériesEditar

Ano Título Personagem Nota
2000 Hospital Central Mamen 1 episódio
19971999 Al salir de clase Carlota Chacón 386 episódios
1996 Menudo es mi padre - 15 episódios

Prêmios e indicaçõesEditar

Festival Internacional de Cinema de San Sebastián
Ano Categoria Filme Resultado
2001 Concha de Prata: Melhor atriz Juana la Loca Venceu
Prémios Goya
Ano Categoria Filme Resultado
2000 Melhor atriz revelação Besos para todos Indicada
2001 Melhor atuação feminina: protagonista Juana la Loca Venceu
2005 Melhor atuação feminina do elenco Obaba Indicada
2010 Melhor atuação feminina do elenco Lope Indicada
2011 Melhor atuação feminina do elenco Intruders Indicada
Prêmios da União de Atores Espanhóis
Ano Categoria Filme Resultado
2010 Melhor atriz de cinema Lope Venceu
2005 Melhor atriz coadjuvante de cinema Obaba Indicada
2001 Melhor atuação de protagonista de cinema Juana la Loca Venceu
Melhor atuação revelação Venceu
2000 Melhor atuação revelação Besos para todos Indicada
Medalhas do Círculo de Escritores Cinematográficos[7]
Ano Categoria Filme Resultado
2001 Melhor atriz Juana la Loca Venceu

Referências

  1. «El paraíso perdido » Premios Goya 2020». www.premiosgoya.com. Consultado em 28 de agosto de 2020 
  2. «La Concha de Plata de San Sebastián consagra a la joven Pilar López Ayala». abc (em espanhol). 30 de setembro de 2001. Consultado em 28 de agosto de 2020 
  3. «Juana la Loca » Premios Goya 2020». www.premiosgoya.com. Consultado em 28 de agosto de 2020 
  4. «La Unión de Actores premia a López de Ayala y Pedregal». abc (em espanhol). 4 de março de 2002. Consultado em 28 de agosto de 2020 
  5. «::: CEC ::: Círculo de Escritores Cinematográficos». www.cinecec.com. Consultado em 28 de agosto de 2020 
  6. «LA UNIÓN DE ACTORES HACE ENTREGA DEL PREMIO MEJOR ACTRIZ DE REPARTO 2010 A PILAR LÓPEZ DE AYALA». www.uniondeactores.com. Consultado em 28 de agosto de 2020 
  7. «Medallas del CEC a la producción española de 2001». Círculo de Escritores Cinematográficos. Consultado em 10 de janeiro de 2016 

Ligações externasEditar

Precedida por
Carmen Maura
por La Comunidad
Goya de Melhor Atriz
por Juana la Loca

2002
Sucedida por
Mercedes Sampietro
por Lugares comunes