Ponte Samora Machel

Ponte Samora Machel
Tetesuspensionbridge.JPG
Apresentação
Tipo
ponte rodoviária (d)
ponte pênsil
Estatuto patrimonial
Localização
Endereço
Tete (distrito) (d)
Flag of Mozambique.svg Moçambique
Coordenadas

A Ponte Samora Machel é uma ponte rodoviária que atravessa o rio Zambeze na cidade de Tete em Moçambique. A ponte de autoria do engenheiro de pontes português Edgar Cardoso, [1]aquando da sua construção recebeu o nome de Ponte Marcello Caetano, mudado para o atual depois da independência nacional.[2] A obra integrou-se nas obras da Barragem de Cahora Bassa e fazia parte de um planeado eixo rodoviário entre a Cidade do Cabo e o Quénia, servindo regiões com elevado potencial económico, agrícola e mineiro.[2]

ConstruçãoEditar

A construção iniciou-se em 1968, tendo a inauguração decorrido em 20 de julho de 1972.[2]

DescriçãoEditar

A ponte é uma estrutura suspensa pré-esforçada com um comprimento de 762 metros e cujo tabuleiro tem 11,2 metros de largura. Tem quatro torres em betão armado, assentes em sapatas baseadas em poços no rio, atingindo alguns deles 22 metros de profundidade.[2]

ProblemasEditar

A ponte apresentava problemas estruturais que limitavam a circulação, sendo objecto de obras profundas de reabilitação que terminaram em 2011 e que devem garantir a sua operacionalidade durante os 30 anos seguintes.[3]

ConcessãoEditar

A sua utilização foi facilitada pela abertura de uma segunda travessia do Zambeze em Tete, a Ponte Kassuende, em 2014. Ambas pontes foram concessionadas à empresa Estradas do Zambeze por um período de 20 anos.[4]

Referências

  1. https://ubibliorum.ubi.pt/handle/10400.6/3490
  2. a b c d «Ponte Marcelo Caetano (Actual Samora Machel)». Património de Influência Portuguesa (HPIP). Consultado em 25 de dezembro de 2018 
  3. «Reabilitação da ponte Samora Machel garante mais 30 anoso». A Verdade. 2 de fevereiro de 2011. Consultado em 25 de dezembro de 2018 
  4. «Segunda ponte sobre o rio Zambeze, inaugurada em Moçambique». Business Portal. 13 de novembro de 2014. Consultado em 25 de dezembro de 2018 

Ligações externasEditar