Porta de São Paulo

(Redirecionado de Porta Ostiense)
Porta de São Paulo
Vista da Porta de São Paulo
Gravura de Luigi Rossini (séc. XIX)
Tipo Portão da cidade
Construção Entre 270 e 274
Promotor / construtor Aureliano
Geografia
País Itália
Cidade Roma
Localização Rione XXI - San Saba
Coordenadas 41° 52' 36.02" N 12° 28' 53.29" E
Porta de São Paulo está localizado em: Roma
Porta de São Paulo
Porta de São Paulo

A Porta de São Paulo (em italiano: Porta San Paolo) é uma das portas meridionais da Muralha Aureliana em Roma e cujo nome é uma referência à Basílica de São Paulo fora da Muralha, para a qual ela dava acesso. Corresponde à Porta Ostiense, a porta de onde iniciava, e ainda inicia, a Via Ostiense, o caminho que liga Roma a Óstia Antiga, uma importante estrada arterial de Roma, principalmente por levar diretamente ao Empório, o grande mercado da cidade.

A porta está separada da Muralha Aureliana, e tem o aspecto de um castelo com suas duas torres: por isto é chamada algumas vezes de Castelinho (Castelletto).

HistóriaEditar

A casa da guarda do portão é guardada por duas torres cilíndricas e tem duas entradas, que foram cobertas por um segundo portão, de abertura única, construído em frente do primeiro pelo general bizantino Belisário nas décadas de 540 ou 550.

A estrutura original é da época de Maxêncio, no século IV, mas as duas torres tiveram sua altura aumentada pelo imperador Honório. Em 549, Roma estava cercada e os ostrogodos de Totila conseguiram invadir a cidade através da Porta Ostiense depois que a guarnição isaura traiu os bizantinos. Em 10 de setembro de 1943, dois dias depois do armistício entre os Aliados e a Itália, forças civis e militares italianas tentaram bloquear a tomada da cidade pelos alemães ali, resultando em 570 baixas.

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Porta de São Paulo