Abrir menu principal

Porto da Cruz

vila e freguesia do Machico, Madeira, Portugal
Portugal Portugal Porto da Cruz 
  Freguesia  
Vista panorâmica do Porto da Cruz, com a Penha d'Águia à esquerda
Vista panorâmica do Porto da Cruz, com a Penha d'Águia à esquerda
Brasão de armas de Porto da Cruz
Brasão de armas
Localização no concelho de Machico
Localização no concelho de Machico
Porto da Cruz está localizado em: Madeira
Porto da Cruz
Localização de Porto da Cruz na Madeira
Coordenadas 32° 46' 19" N 16° 49' 41" O
País Portugal Portugal
Região Flag of Madeira.svg Madeira
Concelho MCH1.png Machico
Elevação a paróquia 26 de setembro de 1577 (441 anos)
Elevação a vila 2 de agosto de 1996 (23 anos)
Administração [1]
- Tipo Junta de freguesia
- Presidente Duarte Gil Caldeira Fernandes (PS)
Área [2]
- Total 25,24 km²
Altitude [3] 20 m
População (2011) [4]
 - Total 2 597
    • Densidade 102,9 hab./km²
 - Alojamentos 1 141
Código postal 9225 Porto da Cruz
Orago Nossa Senhora de Guadalupe
Website Freguesia do Porto da Cruz

Porto da Cruz é uma freguesia portuguesa do concelho de Machico, com 25,13 km² de área e 2 597 habitantes (2011). Fica situado a 36KM do Funchal, em plena costa norte da ilha.

A sua densidade populacional é 111,1 hab/km². Localiza-se na latitude 32.7667 (32°46') Norte e longitude 16.833 (16°50') Oeste, estando a uma altitude de 224 metros. Tem costa no Oceano Atlântico a norte e montanhas a sul.

Foi elevada à categoria de vila a 2 de Agosto de 1996.

Índice

HistóriaEditar

As terras do Porto da Cruz foram das primeiras a serem desbravadas na costa Norte e foram pertença de Lançarote Teixeira, filho do primeiro Capitão – Donatário de Machico, que posteriormente as passou ao seu filho , António Teixeira, “o Rei Pequeno”.

O atual orago da paróquia é Nossa Senhora da Guadalupe, mas anteriormente esta teve como padroeira a Na Sr.a da Piedade e do Mistério da Vera Cruz.

Foi o rei D. Sebastião que elevou o Porto da Cruz a freguesia por alvará de 26 de Setembro de 1577, freguesia que, por despacho de 10 de Setembro de 1835 que criou o concelho de Santana, transferiu esta freguesia para aquele concelho.

Em virtude do decreto de 19 de Outubro de 1852 foi anexado ao concelho de Machico ao qual ainda pertence.

A 25 de Julho de 1996, foi elevada à categoria de Vila.

Nesta freguesia viveram importantes famílias “aristocráticas” como os Baptistas, os Leais ou os Monizes.

Desde sempre ligada à exploração da terra, o Porto da Cruz apresenta uma paisagem eminentemente rural e agrícola. Os seus engenhos atestam ainda hoje a pujança que o açucar trouxe à economia local.

Razão do nome de Porto da CruzEditar

Em 1419, a partir da descoberta da ilha da Madeira, inicia-se o reconhecimento e exploração da costa norte, desde a Ponta de S. Lourenço até a Ponta do Pargo. Ao chegar ao porto desta localidade, os exploradores arvoraram uma cruz feita de paus recolhidos na ribeira. Descreve-o, assim, o Jerónimo Dias Leite, Cónego da Sé do Funchal num manuscrito elaborado no ano de 1579 e enviado ao Dr. Gaspar Frutuoso pároco da Ribeira Grande na Ilha de São Miguel, nos Açores. Aquele documento forneceu dados preciosos para este ilustre historiador escrever as "Saudades da Terra".

Deste modo ele se expressa: « ... da Ponta de Sao Lourenço para Ocidente perto de duas léguas esta uma aldeia que se chama Porto da Cruz por ter sido arvorada uma cruz no pequena enseada que lhe serve de porto e que tem junto do mar um engenho que foi de Gaspar Dias; é grossa fazenda, com boas terras de canas e muitas aguas, haverá neste lugar uns trinta fogos espalhados, afora a gente da fazenda e são os moradores todos criadores, porque os matos são em toda a Ilha gerais a todos para criarem neles. »[5]

O nome dado a esta localidade pelos primeiros que a pisaram permaneceu até hoje.

PopulaçãoEditar

População da freguesia do Porto da Cruz [6]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
2 956 3 511 3 288 3 527 4 309 5 816 4 510 4 961 5 594 4 779 4 192 3 693 3 209 2 793 2 597
Distribuição da População por Grupos Etários
Ano 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos 0-14 Anos 15-24 Anos 25-64 Anos > 65 Anos
2001 472 454 1 321 546 16,9% 16,3% 47,3% 19,5%
2011 318 357 1 373 549 12,2% 13,7% 52,9% 21,1%

Média do País no censo de 2001: 0/14 Anos-16,0%; 15/24 Anos-14,3%; 25/64 Anos-53,4%; 65 e mais Anos-16,4%

Média do País no censo de 2011: 0/14 Anos-14,9%; 15/24 Anos-10,9%; 25/64 Anos-55,2%; 65 e mais Anos-19,0%

GeologiaEditar

As montanhas que envolvem o Porto da Cruz, em parte transformadas em campos de cultivo, formam um belíssimo anfiteatro para o mar que , apesar da sua bravura, ainda permite a existência de duas pequenas praias de areia negra.

O Porto da Cruz é um autêntico mostruário de formações geológicas com sucessivas camadas de cinzas vulcânicas ou basálticas.

A nível marítimo, esta localidade pertence ao mais extenso planalto insular submarino da ilha, que se estende da Ponta de S. Lourenço até São Jorge.

Emblemática, e possivelmente a maior atração desta localidade, é a imponente penedia, a Penha d’Águia, com os seus 590m de altitude.

SítiosEditar

 Ver artigo principal: Sítios do Porto da Cruz

Os principais sítios são a Maiata, Casa Próximas, Terra Baptista, Larano, Serrado, Cruz da Guarda, Massapêz e Referta.

  • Achada
  • Cruz da Guarda
  • Casas Próximas
  • Folhadal
  • Larano
  • Maiata de Baixo
  • Maiata de Cima
  • Massapez
  • Referta
  • Ribeira Tem-Te-Não-Caias
  • Serrado
  • Terra Baptista

Figuras ilustresEditar

Ver tambémEditar

Referências

  1. «Roteiro da Administração Pública e Local da R.A.M - 2007». Direcção Regional Administração Pública e Local. Consultado em 9 de julho de 2010. Arquivado do original em 8 de setembro de 2007 
  2. IGP, Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP), (v. 5). (dados de 2005) Nota: A informação constante da CAOP é permanentemente actualizada, nomeadamente aquando da criação de novas unidades administrativas ou aquando da conclusão de procedimentos de delimitação administrativa, pelo que os dados poderão não coincidir com os publicados em anos anteriores. Disponível em:«Área e População Residente, por Freguesia, 2005». Direcção Regional de Estatística. Consultado em 9 de julho de 2010 
  3. A altitude, assim como as coordenadas geográficas, refere-se à Igreja Paroquial.
  4. Os dados demográficos são do Instituto Nacional de Estatística. O número de habitantes refere-se ao número total de residentes, e os alojamentos são os edifícios de habitação, conforme definido pelo INE.
  5. MOREIRA, João Lino. Roteiro Freguesia do Porto da Cruz, Concelho de Machico, Ilha da Madeira. Funchal: Câmara Municipal de Machico 
  6. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Porto da Cruz

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre geografia da Região Autónoma da Madeira, integrado no Projecto Madeira é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.