Presidente do Conselho de Administração

Presidente do Conselho de Administração (em inglês simplesmente Chairman ou Chairwoman) é o mais alto representante de um grupo empresarial ou empresa individual, nomeadamente num conselho de administração, comitê ou assembleia deliberativa. A pessoa que toma posse do cargo é normalmente eleita ou nomeada pelos membros do grupo. O Chairman preside às reuniões do grupo e conduz a ordem dos trabalhos.[1] Quando os membros não estão reunidos em sessão, os deveres do Chairman passam por atuar como o mais alto representante do grupo e seu porta-voz. Em algumas empresas, esse título pode ser simplesmente chamado de presidente.[2]

Exemplo de um Presidente do Conselho de Administração, Sam Ervin, em 1973.

TerminologiaEditar

Outros termos usados ​​às vezes para a função e seu detentor podem ser presidência, presidente oficial, presidente e moderador.[3][4] O chairman de uma câmara parlamentar é muitas vezes chamado de Speaker (no Brasil, Presidente do Congresso Nacional do Brasil).[5][6]

UsoEditar

Embora chairwoman possa ser usado às vezes como uma contraparte feminina de chairman, os termos chair e chairperson às vezes são usados ​​para evitar títulos de gênero diferente.[7][8] A National Association of Parliamentarians (Associação Nacional dos Parlamentares) não aprova uso de "chairperson".[9]

O vice-chairman (vice-presidente do Conselho de Administração) é o secundário do chairman, às vezes é escolhido para assistir o presidente[10] e o representa, em caso de ausência ou quando um movimento envolvendo o chairman está sendo discutido.[1] Na ausência do chairman e vice-chairman, os grupos, por vezes, elegem um chairman temporário para preencher o papel de uma única reunião.[1]

O termo chair (cadeira em inglês) pode ser uma referência ao lugar do qual o titular do cargo preside, seja em uma cadeira, em um púlpito, ou em outro lugar. Durante as reuniões, costuma-se dizer que a pessoa que preside está "in the chair" (na cadeira, em português).

Meio corporativoEditar

Existem três tipos de chaiman nas grandes corporações.

  • Chairman e CEO – O CEO (diretor executivo) é fiscalizado e recebe diretrizes do Conselho de Administração. Há casos em que o CEO seja igualmente o Presidente do Conselho de Administração. Por vezes, quando uma pessoa possui ambos os títulos - Presidente do Conselho de Administração e CEO - há uma outra pessoa com o título de Diretor de Operações (COO).
  • Presidente executivo – Uma função diferente de CEO , em que o titular exerce influência sobre as operações da empresa, tais como Steve Case, da AOL Time Warner e Douglas Flint do HSBC. Por exemplo, o cargo de Chairman no HSBC é considerada a posição mais alta da instituição bancária, superando o diretor executivo (CEO), e é responsável por liderar o Conselho e representar a empresa em reuniões com os representantes de governo .[11][12] Antes da criação do conselho de administração do grupo, em 2006, o chairman do HSBC essencialmente manteve as funções de um executivo (ou cargo equivalente em outras instituições), enquanto o diretor executivo atuava como vice. Após a reorganização de 2006, o quadro de gestão passou a conduzir o negócio, enquanto o presidente passou a supervisionar os controles do negócio através da compliance e auditoria, para administração do negócio.[13]
  • Presidente não-executivo – também um posto à parte do CEO, ao contrário de um presidente executivo, um presidente não-executivo não interfere em assuntos da empresa no dia- a-dia . Em todo o mundo, muitas empresas têm separado os papéis de presidente e CEO, muitas vezes resultando em um presidente não-executivo, dizendo que esta mudança melhora a governança corporativa.

As funções dos Presidentes não-executivos são tipicamente limitadas a assuntos diretamente relacionados ao Conselho, tais como:[14]

  • Presidir as reuniões do Conselho.
  • Organizar e coordenar as atividades da diretoria, definindo sua agenda anual.
  • Analisar e avaliar o desempenho do CEO e de outros membros do conselho.

Muitas empresas dos Estados Unidos têm um presidente executivo, e este método de organização é muitas vezes chamado o modelo americano. Ter um presidente não-executivo é comum no Reino Unido e no Canadá, e às vezes é chamado o modelo britânico. O parecer dos especialistas, geralmente, é bastante dividido quanto ao melhor modelo.[15]

Exemplos de empresas que possuem tanto um presidente executivo, quanto um CEO incluem Ford,[16] HSBC,[17] Google,[18] e HP.[19]

Referências

  1. a b c Robert's Rules of Order Newly Revised, 10th edition, Perseus Books Group, Cambridge MA, 2000
  2. Sturgis, Alice (2001). The Standard Code of Parliamentary Procedure Fourth ed. New York: McGraw-Hill. p. 163. ISBN 978-0-07-136513-0 
  3. Sturgis, Alice; American Institute of Parliamentarians (2001). The standard code of parliamentary procedure Fourth ed. New York: McGraw-Hill. 11 páginas. ISBN 978-0071365130 
  4. «moderator». Chambers 21st Century Dictionary via Search Chambers. Edinburgh: Chambers Harrap 
  5. «Speeches: The many roles of the Speaker». Office of the Speaker, Parliament of New Zealand. 1 de fevereiro de 2006 
  6. «About Parliament: The Lord Speaker». Parliament of the United Kingdom. Consultado em 23 de outubro de 2008. Arquivado do original em 9 de junho de 2008. ... responsibilities of the Lord Speaker include chairing the Lords debating chamber,... 
  7. «Chairman». Dictionary.com Unabridged (v 1.1). 2006. Consultado em 22 de outubro de 2008 
  8. «Chairperson». Dictionary.com Unabridged (v 1.1). 2006. Consultado em 27 de abril de 2008 
  9. Zimmerman, Doris P. (1997). Robert's Rules in Plain English. New York: HarperCollins. ISBN 0062734768 
  10. «vice-chairman». dictionary.com 
  11. HSBC investors against Michael Geoghegan becoming chairman. Telegraph. Retrieved on 2013-08-22.
  12. HSBC chief Michael Geoghegan 'to quit' after failing to get top job. News.com.au (2010-09-24). Página acessada em 2013-08-22.
  13. HSBC ex-chief Michael Geoghegan relaxes as another marathon looms. Telegraph. Retrieved on 2013-08-22.
  14. Kefgen, Keith (11 de maio de 2004). «The Non-Executive Chairman Comes of Age». HVS web site. HVS. Consultado em 3 de abril de 2011 
  15. Behan, Beverly (10 de janeiro de 2008). «Splitting the Chairman and CEO roles». BusinessWeek. Consultado em 3 de abril de 2011 
  16. «Board of Directors». Ford Motor Company. Consultado em 5 de abril de 2011. Arquivado do original em 11 de maio de 2011 
  17. «Board of Directors». HSBC. Consultado em 5 de abril de 2011 
  18. «Management Team». Google. Consultado em 5 de abril de 2011 
  19. «HP Investor Relations - Board of directors». HP. Consultado em 24 de setembro de 2011 

Ver tambémEditar