Princípio da continuidade lateral

O princípio da continuidade lateral, no contexto da geologia, é um dos três princípios de Steno que definem a estratigrafia. De acordo com a definição, as camadas de sedimentos são contínuas e estendem-se até à margem de bacia de acumulação, ou se afinam lateralmente.

Representação esquemática do princípio da continuidade lateral.[1]

Este princípio afirma que : Os estratos tendem a ser mais ou menos espessos consoante as condições de sedimentação do local.

O principio da continuidade lateral permite estabelecer correlação de idades e de posição entre estratos localizados em lugares eventualmente distanciados.

Referências

Veja tambémEditar

  Este artigo sobre geologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.