Projeto 1153 Orel

O Projeto 1153 Orel (em russo: Орёл, Águia) foi um programa soviético dos anos de 1970 para dar real capacidade de marinha de alto mar para a aviação. O navio poderia ter até 75 a 80 mil toneladas de deslocamento, com propulsão nuclear e carregando até 70 aeronaves lançadas a voo por catapultas. Ele foi projetado com grande capacidade ofensiva, possuindo até 24 lançadores de mísseis anti-navio.[1] Na URSS ele foi classificado como "grande crusador com armamento de aeronaves".[2] Foi cancelado em outubro de 1978 por ser muito caro, e Projeto 11435 mais apropriado para aeronaves V/STOL, foi desenvolvido em seu lugar (sua versão inicial era de 65 mil toneladas e 52 aeronaves, mas foi eventualmente diminuído).[2]

Ver tambémEditar

Referências

  1. «russiafile.com». russiafile.com. Consultado em 23 de abril de 2014 
  2. a b Balakin, S., Zablotskiy, V. Sovyetskiye avyanoscy. Avianesushchiye kreysera admirala Gorshkova. Moscow, 2007. ISBN 978-5-699-20954-5 (em russo). P.153-154

Links externosEditar