Abrir menu principal

René Ernaini Gertz (Novo Machado, RS, 10 de fevereiro de 1949) é um historiador e professor universitário brasileiro.

É especialista em nazismo no Brasil, integralismo, imigração e Era Vargas. Ex-professor na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS); atualmente está aposentado. É licenciado em História pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), cursou mestrado em Ciência Política pela UFRGS e doutorado pela Universidade Livre de Berlim.[1][2]

BibliografiaEditar

  • O neonazismo no Rio Grande do Sul
  • O perigo alemão
  • O aviador e o carroceiro: política, etnia e religião no Rio Grande do Sul dos anos 1920
  • A nova historiografia alemã (em coedição com Abílio Afonso Baeta Neves)
  • Historiografia alemã pós-muro: experiências e perspectivas (em coedição com Sílvio Marcus de Souza Correa)
  • Karl von Koseritz: seleção de textos
  • Max Weber e Karl Marx
  • Memórias de um imigrante anarquista
  • O Estado Novo no Rio Grande do Sul
  • O fascismo no sul do Brasil
  • Nós, os teuto-gaúchos (em coedição com Luís Augusto Fischer)
  • Vivências da Primeira Guerra Mundial: entre a Europa e o Brasil (em coedição com Claudia Musa Fay e Antonio de Ruggiero)

Referências

  Este artigo sobre História ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.