Abrir menu principal
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Taperoá.
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde maio de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Rio Taperoá
uma ilustração licenciada gratuita seria bem-vinda
Localização
País
Coordenadas
Hidrografia
Tipo

O rio Taperoá é um curso d'água brasileiro que banha o estado da Paraíba. O rio, que deu nome ao município homônimo, nasce em Teixeira e, após percorrer os municípios de Taperoá , São João do Cariri e Cabaceiras, deságua no Paraíba.

No livro Os alicerces de Campina Grande (1697–1864) há a seguinte citação sobre a descoberta de suas cabeceiras:

O capitão-mor Teodósio de Oliveira Lêdo parece ter sido o primeiro homem civilizado a subir o rio Taperoá. É provável que, tendo se aproximado das cabeceiras desse rio, na serra do Pico, descesse ao norte (...) e pelas margens do rio da Farinha, seguisse o Espinharas chegando até [a região de] Piranhas.[1]

Até o século 19, o Taperoá era denominado de Unebatucu.[2]

Referências

  1. CÂMARA, Epaminondas. Os alicerces de Campina Grande: esboço histórico-social do povoado e da vida (1697–1864). [S.l.]: Oficinas Gráficas da Livraria Moderna. 110 páginas 
  2. ANDRADE, Robéria L.V. (2011). Um olhar sobre o cariri ocidental paraibano: mapa das bibliotecas p[ublicas municipais. [S.l.]: UFPB-CSSA-DCI. 115 páginas 
  Este artigo sobre hidrografia do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.