Abrir menu principal
Saburra e vermelhidão indicam a presença de escarlatina.
Disambig grey.svg Nota: Se procura por pela areia utilizada no lastro dos navios, veja Saibro.

A saburra[1] ou saburra lingual é a massa composta de células descamadas da boca, bactérias, muco da saliva e restos alimentares que aderem à superfície da língua, geralmente como sintoma de certas doenças. Ela é responsável por grande parte dos tipos de halitose (mau hálito). O maior desafio é descobrir por que ela está se formando, pois mesmo realizando a limpeza da língua corretamente, algumas pessoas poderão continuar apresentando formação acentuada de saburra. Na Medicina tradicional chinesa, a língua é a fonte mais importante e rica de informações diagnósticas visuais, pois a textura e as cores da saburra e do corpo da língua aprimoram a ideia do quadro clínico. [2]

Infecção. Destes, dos lactos que se apresentam na língua, em sua maioria derivados do leite, falhos em investigações de bactérias, que nos das caixas vivem e proliferam-se, ao intestino destinam-se e do leite, as causas das infecções, ao lingual sobem e náuseas nos dão, nestes casos, do lingual sistema, percebem as narinas às somas dos todos tipos infecciosos.

Ver tambémEditar

Referências

  1. (em português) Dicionário Online de Português - Saburra. Página acessada em 03 de março de 2014.
  2. (em português) ComoTudoFunciona - Uso da visão no diagnóstico da Medicina Tradicional Chinesa. Página acessada em 03 de março de 2014.