Abrir menu principal
Quartiere San Basilio
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja San Basilio (desambiguação).

San Basilio é o trigésimo quartiere de Roma e normalmente indicado como Q. XXX. Este mesmo topônimo indica a zona urbana 5E do Municipio IV da região metropolitana de Roma Capitale. Seu nome é uma referência ao Monte Sacro.

GeografiaEditar

O quartiere San Basilio fica na região nordeste da cidade, encostado do lado interior do Grande Raccordo Anulare (Autostrada A90). Suas fronteiras são:

  • ao norte está a zona Z. IV Casal Boccone, separada pela Via Nomentana, da Via del Casale di San Basilio até o Grande Raccordo Anulare.
  • a leste está a Z. VI Settecamini, separada pelo Grande Raccordo Anulare, da Via Nomentana até a Via Tiburtina.
  • ao sul está a zona Z. VII Tor Cervara, separada pela Via Tiburtina, do Grande Raccordo Anulare até a Via del Casale di San Basilio.
  • a oeste está o quartiere Q. XXIX Ponte Mammolo, separado pela Via del Casale di San Basilio inteira, da Via Tiburtina até a Via Nomentana.

A zona urbana tem as seguintes fronteiras:

HistóriaEditar

Surgido nas décadas de 30 e 40 do século XX[1], o quartiere passou por um período de desenvolvimento depois do final da Segunda Guerra Mundial principalmente por causa dos edifícios de ocupação intensiva da UNRRA, a organização humanitária do famoso plano de ajuda internacional conhecido como Plano Marshall.

Na década de 1950, juntamente com a paróquia de San Cleto, dedicado ao terceiro papa, Anacleto I e marco por um loteamento abusivo, nasceu o borgo (em italiano: borgata) de San Cleto, entre o fosso de San Basilio e a Via Nomentana. O borgo foi construído por imigrantes provenientes majoritariamente das Marcas e da Úmbria, muitos dos quais ainda vivem ali. San Cleto abriga também as ruínas da Torre de Coazzo, uma casa medieval (em italiano: casale) do século XIII construído sobre os restos de uma villa romana.

Ainda nos anos cinquenta, também resultado de um loteamento abusivo nos terrenos de Elena Tidei, nasceu a o pequeno borgo (em italiano: borgatella) de Tidei[2], construído por imigrantes das Marcas em 67 pequenos lotes de terra separados por quatro estradas de terra. As seis estreitas vias internas foram adquiridas e urbanizadas pela Comuna de Roma só em 2004. Em 2007, foi criada a nova Piazza di San Basilio com base num projeto dos arquitetos Piero Ostilio Rossi e Andrea Bruschi[3].

No final da década de 1980 surgiu uma nova região de rápido desenvolvimento na região chamada Torraccia, encostada no Grande Raccordo Anulare.

Vias e monumentosEditar

Antiguidades romanasEditar

EdifíciosEditar

Referências

  1. Villani, Luciano (2012). Le borgate del fascismo. Storia urbana, politica e sociale della periferia romana (pdf). 7.2 I villaggi Pater per le famiglie numerose: Acilia e San Basilio (em italiano). Milano: Ledizioni. ISBN 978-88-6705-014-7 
  2. Bassetti, Giovanni (5 de abril de 2004). «Storia del quartiere Tidei» (em italiano). Pagine di Quartiere.it 
  3. «MUNICIPIO V: Piazza San Basilio Nuovo» (em italiano). Comuna de Roma 
  4. «Casale Scorticabove» (em italiano). Roma Tiburtina 

BibliografiaEditar

  • Carpaneto, Giorgio (1997). I quartieri di Roma (em italiano). Roma: Newton Compton Editori. ISBN 978-88-8183-639-0 
  • Grifone, Maria Rosaria; Rendina, Claudio (1991). I Rioni e i Quartieri di Roma. QUARTIERE XXX. SAN BASILIO (em italiano). 8. Roma: Newton Compton Editori 
  • Rendina, Claudio; Paradisi, Donatella (2004). Le strade di Roma (em italiano). 1. Roma: Newton Compton Editori. ISBN 88-541-0208-3 
  • Rendina, Claudio (2006). I quartieri di Roma (em italiano). 2. Roma: Newton Compton Editori. ISBN 978-88-541-0595-9 
  • De Franceschini, Marina (2005). Ville dell'Agro romano (em italiano). Roma: L'Erma di Bretschneider. ISBN 978-88-8265-311-8 
  • «Casabella Continuità». Rozzano: Editoriale Domus (em italiano) (212). Setembro–outubro de 1956 
  • Petaccia, Paolo; Greco, Andrea (2016). Borgate. L'utopia razional-popolare. Col: Roma Capitale (em italiano). Roma: Officina Edizioni. ISBN 978-88-6049-194-7 

Ligações externasEditar