Dracaena trifasciata

espécie de planta
(Redirecionado de Sansevieria trifasciata)
Como ler uma infocaixa de taxonomiaDracaena trifasciata
Dracaena trifasciata em flor.
Dracaena trifasciata em flor.
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Liliopsida
Ordem: Asparagales
Família: Ruscaceae
Género: Dracaena
Espécie: D. trifasciata
Nome binomial
Dracaena trifasciata
(Prain) Mabb. (2017)[1]
Sinónimos
Sansevieria aureovariegata Mottet (1896-1897)[2]

Sansevieria laurentii De Wild. (1904)[2]


Sansevieria jacquinii N.E.Br. (1911)[2]


Sansevieria craigii Anon. (1912)[2]


Sansevieria trifasciata var. laurentii (De Wild.) N.E.Br. (1915)[2]


Sansevieria zeylanica var. laurentii (De Wild.) L.H.Bailey (1963)[2]


Sansevieria trifasciata Prain (1903)[2]

A espada-de-são-jorge, espada-de-santa-bárbara ou espada-de-Iansã, (Dracaena trifasciata (Prain) Mabb. (2017), antes pertencente ao gênero Sansevieria[3]), também conhecida como[4] língua-de-sogra, rabo-de-lagarto e sanseviéria, é uma planta herbácea de origem africana. Também é importante saber que é uma planta tóxica, e que não deve ser ingerida.

Cultivo e UsoEditar

 
Broto 2x1cm 30 dias

Como alguns outros membros de seu gênero, D. trifasciata produz cânhamo em corda, uma fibra vegetal forte que costumava ser usada para fazer cordas de arco.

Agora é usada predominantemente como planta ornamental, ao ar livre em climas mais quentes e em ambientes internos como planta de casa em climas mais frios. É popular como planta de casa porque é tolerante a níveis baixos de luz e irrigação irregular; durante o inverno, é necessário apenas uma rega a cada dois meses. Ele apodrecerá facilmente se for regado em excesso. É comumente recomendado para iniciantes interessados no cultivo de plantas de interior pela sua facilidade de cuidado.

O estudo do ar puro da NASA descobriu que D. trifasciata tem potencial para filtrar o ar interno, removendo 4 das 5 principais toxinas envolvidas nos efeitos da síndrome do edifício doente. No entanto, sua taxa de filtração é muito lenta para o uso interno prático.

Uso na cultura afro-brasileiraEditar

 
Espada-de-santa-bárbara

Além do seu uso ornamental, as espadas-de-são-jorge são também conhecidas como plantas de proteção contra o mau-olhado, devendo ser colocadas próximo à entrada das casas.

Nas Religiões afro-brasileiras, ela é também chamada de espada-de-ogum (quando tem coloração verde) ou espada-de-iansã (bicolor, com bordas amarelas). Esta folha sagrada é uma folha gún (excitante, "quente"), sempre presente nos rituais de sasanha e na realização de águas sagradas denominada de abô.[5]

De acordo com pesquisa científica, sansevieria trifasciata: Limpa do ar benzeno, metanal (formol), tricloroetileno, xileno e tolueno. E produz oxigenio durante a noite.[6] [7]

Ver tambémEditar

Referências

Ligações externasEditar

O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Dracaena trifasciata
  Este artigo sobre plantas é um esboço relacionado ao Projeto Plantas. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
O Wikispecies tem informações sobre: Dracaena trifasciata