Abrir menu principal

Santo Estêvão (Alenquer)

localidade e antiga freguesia de Alenquer, Portugal
Portugal Santo Estêvão 
  Freguesia portuguesa extinta  
Santo Estêvão está localizado em: Portugal Continental
Santo Estêvão
Localização de Santo Estêvão em
Coordenadas 39° 02' 32" N 9° 0' 57" O
Concelho primitivo Alenquer
Concelho (s) atual (is) Alenquer
Freguesia (s) atual (is) Alenquer (Santo Estêvão e Triana)
Extinção 2013
Área
- Total 16,09 km²
População (2011)
 - Total 6 687
    • Densidade 415,6 hab./km²
Orago Santo Estêvão

Santo Estêvão foi uma freguesia portuguesa do concelho de Alenquer, com 16,07 km² de área e 6 687 habitantes (2011)[1]. Densidade: 416,1 h/km². Era uma das duas freguesias (a par de Triana) que constituíam a vila de Alenquer.

Foi extinta (agregada) em 2013, no âmbito de uma reforma administrativa nacional, tendo sido agregada à freguesia de Triana, para formar uma nova freguesia denominada União das Freguesias de Alenquer (Santo Estêvão e Triana) da qual é sede.[2]

Freguesia de Alenquer (Santo Estêvão)

PopulaçãoEditar

População da freguesia de Alenquer (Santo Estêvão) [3]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
2 305 2 656 3 131 3 559 3 869 3 673 4 150 4 088 4 221 4 626 5 277 5 702 4 383 5 338 6 687

Em 1984 foram desanexados lugares para criar a freguesia do Carregado

PatrimónioEditar

Património Arquitectónico Não Classificado[4]

  • Edifício dos Paços do Concelho
  • Parque Vaz Monteiro - Coleção Heráldica
  • Torre da Igreja de Santiago
  • Aula do Conde de Ferreira
  • Fábrica do Papel
  • Torre da Couraça
  • Fábrica de Lanifícios da Chemina
  • Recolhimento de Nossa Senhora da Carnota
  • Convento de Santa Catarina da Carnota
  • Mosteiro de Nossa Senhora da Conceição
  • Casa da Torre
  • Cruzes da Via Sacra
  • Cadeia Velha
  • Chafariz
  • Arcos Góticos
  • Quinta do Brandão
  • Quinta do Bravo
  • Quinta de Pancas
  • Quinta de São Clemente
  • Quinta das Sete Pedras
  • Quinta das Varandas
  • Moinho da Cabreira (ruínas)
  • Moinho do Carmo (ruínas)

Referências

  1. «População residente, segundo a dimensão dos lugares, população isolada, embarcada, corpo diplomático e sexo, por idade (ano a ano)». Informação no separador "Q601_Centro". Instituto Nacional de Estatística. Consultado em 1 de Março de 2014. Cópia arquivada em 4 de dezembro de 2013 
  2. Diário da República, 1.ª Série, n.º 19, Lei n.º 11-A/2013 de 28 de janeiro (Reorganização administrativa do território das freguesias). Acedido a 2 de fevereiro de 2013.
  3. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  4. 1ª Revisão do Plano Diretor Municipal de Alequer, Volume 1 - Caracterização Territorial, págs. 47-48.
  Este artigo sobre freguesias portuguesas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.