Abrir menu principal
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde novembro de 2015). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
"She Used to Be Mine"
Single de Sara Bareilles
do álbum What's Inside : Songs from Waitress
Lançamento 25 de setembro de 2015
Formato(s) download digital
Gênero(s) Pop rock
Duração 4:10
Gravadora(s) Epic
Composição Sara Bareilles
Produção Neal Avron • Sara Bareilles
Cronologia de singles de Sara Bareilles
"I Choose You"
(2015)

"She Used to Be Mine" é uma canção composta pela cantora norte-americana Sara Bareilles, para um musical da Broadway chamado Waitress. Foi gravada pela própria Sara, e lançada em 25 de setembro de 2015 nas rádios como o primeiro single do álbum "What's Inside : Songs from Waitress"[1]. Seu videoclipe foi liberado em 22 de outubro do mesmo ano, e no dia seguinte, disponibilizado na Vevo.[2]

InformaçõesEditar

A canção, assim como as outras faixas do álbum, foi originalmente composto para um musical da Broadway, chamado Waitress, mas Sara resolveu por gravar suas composições e lançá-las em um álbum. Antes do lançamento oficial da versão de estúdio, Sara já se apresentava em shows com essa música.

A música será a faixa 10, e o primeiro single do álbum.[3]

VideoclipeEditar

O videoclipe oficial foi gravado em preto e branco, e mostra Sara em um salão de show totalmente vazio. O vídeo se inicia com ela no camarim, se arrumando. Logo, ela vai ao palco, onde começa a tocar o piano. No final do clipe, ela vai à saída, e se senta na escadaria. Ao decorrer do vídeo, as cenas vão se alternando pra uma cena em que Sara está tocando piano, o mesmo que na segunda "parte" do videoclipe.

O vídeo agradou seus fãs e quem assistiu, sendo considerado por eles, o melhor da carreira da Sara até então.

Paradas musicaisEditar

Chart (2015) Melhor
posição
Estados Unidos (Billboard Adult Pop Songs)[4] 31
Estados Unidos (Billboard Digital Songs)[5] 49

Referências