Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde maio de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Sistema Rio Claro
Represa: Ribeirão do Campo
Localização
Localização São Paulo, Brasil Editar isso no Wikidata
Divisão Município de Salesópolis
Obras 1932 (87 anos)-?
Data de inauguração 1932 (87 anos)
Tipo estrutura arquitetónica
Reservatório
Área alagada 2,2 km²
Área de drenagem 11,8 km²
Vazão 3,8
Dados da albufeira
Capacidade total 13,7 milhões de
Capacidade útil 11,8
Observações Vazão: Inclui captação do Rio Claro, Poço Preto e Rio Guabirutuba.
[1]

O Sistema Rio Claro é um dos sistemas administrados pela SABESP, destinados ao tratamento e distribuição de água para a Grande São Paulo.

CaracterísticasEditar

Inaugurado em 1939, o sistema está localizado nos municípios de Biritiba Mirim e Salesópolis, 70 km a leste da cidade de São Paulo, numa Área de Proteção a Mananciais de propriedade da Sabesp, possuindo água de excelente qualidade.

O sistema é composto pelo Represa Ribeirão do Campo e pela Estação de Tratamento de Água Casa Grande, recebendo também água proveniente da transposição do Rio Guaratuba.

Na ETA Casa Grande, situada em Biritiba Mirim, são tratados 4 mil litros de água por segundo para atender parte da zona leste de São Paulo e o município de Santo André[2].

Ver tambémEditar

Referências

  1. SOLIA, Mariângela; FARIA, Odair Marcos; ARAÚJO, Ricardo. Mananciais da região metropolitana de São Paulo. São Paulo: Sabesp, 2007
  2. «Sabesp » Água » Mananciais». site.sabesp.com.br. Consultado em 28 de março de 2019 

BibliografiaEditar

  • SOLIA, Mariângela; FARIA, Odair Marcos; ARAÚJO, Ricardo. Mananciais da região metropolitana de São Paulo. São Paulo: Sabesp, 2007

Ligações externasEditar