Abrir menu principal
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo. (desde Janeiro de 2010)
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Coleta de veneno para preparo do soro

O soro antiofídico é um medicamento para tratar mordidas de cobras venenosas,aranhas e escorpiões. É obtido a partir de anticorpos do sangue do cavalo.Foi descoberto por Albert Calmette, um bacteriologista francês. Sua descoberta serviu de base para os estudos de Vital Brazil que desenvolveu o soro usado hoje em todo o mundo. Vital Brazil descobriu a especificidade do soro, percebendo que cada veneno produzia um soro específico, isto é, o soro obtido a partir do veneno do animal que causa o acidente só neutraliza a ação desse veneno.

O processo de produção do soro antiofídico consiste na aplicação de pequenas doses de veneno no animal. Neste período, o organismo do cavalo produz anticorpos contra o veneno. Depois de um determinado período sofre sangria. Os anticorpos são separados por centrifugação do sangue. Em seguida ele sofre liofilização (remoção de água) e é armazenado.

No Brasil são produzidos basicamente os seguintes soros antiofídicos:

  • Antibotrópico = contra acidentes de jararacas
  • Anticrotálico = contra acidentes de cascavel
  • Antilaquético = contra acidentes de surucucu
  • Antielapídico = contra acidentes de cobra-coral
  • Anticrotálico-botrópico = contra acidentes com cascavéis e jararacas
  • Antibotrópico-laquético = contra acidentes com jararacas e surucucus
  • Soro Antiofídico Polivalente = contra acidentes com jararacas, cascavéis e surucucus
  • Soro Antitetânico = contra o tétano

Ver tambémEditar

BibliografiaEditar

Ligações externasEditar

  Este artigo sobre Saúde é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.