Abrir menu principal
Sun Myung Moon
Sun Myung Moon e esposa
Nome completo Sun Myung Moon
Nascimento 25 de fevereiro de 1920
Sangsa-ri, Coreia do Norte
Morte 3 de setembro de 2012 (92 anos)
Gapyeong,  Coreia do Sul
Nacionalidade Coreia do Sul Sul-coreana
Ocupação líder religioso, escritor, empresário
Principais trabalhos Princípio Divino (1966)

Rev. Sun Myung Moon (Sangsa-ri, 25 de fevereiro de 1920Gapyeong, 3 de setembro de 2012), mais conhecido por Reverendo Moon, fundou a Associação das Famílias para Unificação e Paz Mundial - AFUPM , e várias outras associações pelo mundo todo. Sua principal obra é Exposição do Princípio Divino , além dessa possui diversas obras editadas em coreano e outros idiomas.

Tem sido um líder controverso também por realizar casamentos em massa.[1]

O Reverendo Moon investiu maciçamente em todo o mundo, controlando um bilionário conglomerado de empresas nas áreas de comunicações (News World Communications), automobilística (Pyeonghwa Motors), remédios, armas, turismo e publicidade (Tongil Group), entre outros.[2][3] O Tongil Group é proprietário do Seongnam FC, o time de futebol coreano com mais títulos na K-League. O Reverendo Moon fundou diversos veículos de comunicação ao redor do mundo, entre eles o jornal The Washington Times, conhecido por defender um ponto de vista conservador.

No Brasil o Reverendo Moon comprou terras do Mato Grosso do Sul em um total que chega a 85 mil hectares (além de outros 200 mil hectares da mesma terra no lado paraguaio). Em 2002 a Assembleia Legislativa Sul-Matogrossense instaurou uma CPI para investigar o caso.[2]

Nos anos 1990 o Reverendo Moon deu início ao ambicioso projeto de transformar a cidade de Jardim (Mato Grosso do Sul) em uma colônia coreana, com milhares imigrantes coreanos e japoneses. A chegada em massa dos orientais à pequena cidade causou toda espécie de estranhamento.[4]

O Clube Esportivo Nova Esperança, conhecido por CENE, fundado na cidade de Jardim (Mato Grosso do Sul), é um time de futebol brasileiro pertencente à Igreja da Unificação, juntamente com o Clube Atlético Sorocaba. Os investimentos do Reverendo Moon no Brasil superam o montante de 35,5 milhões de dólares americanos.[5]

Há controvérsias a respeito do seu método de doutrinação,[2][3] levando o governo britânico a proibir a entrada do Reverendo Moon no Reino Unido em 1995. Além disso, nos Estados Unidos, em 1982, o Reverendo Moon foi preso acusado de especulação no mercado de ações, suborno de parlamentares e sonegação fiscal.[3]

Sun Myung Moon nasceu Mun Yong-myeong na atual localidade norte-coreana de Sangsa-ri (上思里), P'yŏng'an Norte, quando a Coreia estava sob ocupação japonesa.

Morreu em 3 de setembro de 2012 devido à complicações de uma pneumonia.[6][3][7]

Referências

  1. AFP, Da (12 de fevereiro de 2014). «Igreja do reverendo Moon casa 2,5 mil casais na Coreia do Sul». Mundo. Consultado em 12 de maio de 2019 
  2. a b c «Morre aos 92 anos Sun Myung Moon, o reverendo Moon». G1. 2 de setembro de 2012. Consultado em 1 de abril de 2013 
  3. a b c d «Reverendo Moon morre na Coreia do Sul aos 92 anos». BBC. 2 de setembro de 2012. Consultado em 1 de abril de 2013  Erro de citação: Código <ref> inválido; o nome "BBC" é definido mais de uma vez com conteúdos diferentes
  4. O fantástico império erguido pelo reverendo Moon. Revista Veja, 03 de setembro de 2012.
  5. PF vasculha casas do reverendo Moon em SP e MS[ligação inativa]. Revista Veja, 6 de maio de 2002.
  6. «Morre na Coreia do Sul o reverndo Moong». Paraná Online. 2 de setembro de 2012. Consultado em 5 de setembro de 2012 
  7. «Aos 92 anos, morre Reverendo Moon». Band. 2 de setembro de 2012. Consultado em 5 de setembro de 2012 
  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.