Abrir menu principal

Tênis Espetacular - Desafio Brasil x Argentina

Tênis Espetacular - Desafio Brasil x Argentina[1][2], ou Desafio de Tênis Brasil x Argentina foi um torneio amistoso de tênis[3].

O primeiro desafio foi disputado em outubro de 2000, no Ginásio do Ibirapuera.[4] O segundo foi disputado no Maracanãzinho no início de 2002, abrindo a temporada do tenis mundial no ano.[5] O terceiro foi disputado também em 2002, mas desta vez no Ginásio do Ibirapuera.[6]

Disputado nos mesmos moldes da Copa Davis, o Desafio teve dois jogos de simples no primeiro dia, um de duplas no segundo e mais dois de simples no terceiro.[7]

Desafio IEditar

O primeiro desafio foi disputado entre os dias 19 e 21 de outubro de 2000, no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo[1].

No primeiro dia, Meligeni derrotou Franco Squillari, e Guga venceu Gaston Gaudio. Nas duplas, vitória dos argentinos Pablo Albano e Lucas Arnold sobre Guga e Jaime Oncins. O Brasil definiu o Desafio no terceiro dia de disputa, com Meligeni vencendo Gaudio e Guga derrotando Squillari.[8]

Além do Desafio, outras atividades ocorreram. Uma clínica de tênis para crianças que contou com a presença dos oito competidores, e uma partida entre os então melhores juvenis dos dois países. Bruno Soares contra o argentino Christian Villagran.[9]

Desafio IIEditar

O 2o Desafio Brasil x Argentina ocorreu entre os dias 3 e 5 de janeiro de 2002, no Maracanãzinho.

No primeiro dia de disputas, Meligeni foi derrotado por Gaston Gaudio por 2x1[10] e Guga venceu David Nalbandian[11], empatando o confronto. No segundo dia, a dupla brasileira Guga e Daniel Melo, venceram a dupla argentina formada por Gaston Gaudio e Luis Lobo. No último dia de disputa, no sábado 5, Fernando Meligeni derrotou David Nalbandian por 2 sets a 0 e Guga derrotou Gaston Gaudio e fechou o placar em 4 a 1 para os brasileiros.[5]

Desafio IIIEditar

O 3o desafio foi disputado nos dias 05, 06 e 07 de novembro de 2002, no Ginásio do Ibirapuera.

No primeiro dia, Fernando Meligeni venceu Gastón Gaudio por 2 sets a 0, parciais de 6-3 e 7-6 (7-1)[12]. Depois, Gustavo Kuerten superou David Nalbandian, fazendo 2 a 0 para o Brasil. No segundo dia, Guga e André Sá selaram a vitória brasileira por antecipação. Eles derrotaram a parceria argentina de Luis Lobo e David Nalbandian, por 2 sets a 0. No terceiro e último dia, David Nalbandian derrotou Fernando Meligeni por 2x0 (6/4 e 6/3)[13] e na última partida, Guga bateu o argentino Gaston Gaudio, de virada, por 2 sets a 1, parciais de 4/6, 6/1 e 7/6 (7/4), selando o placar do amistoso em 4 a 1 para o Brasil[14].

Referências

  1. a b Placar Magazine out. 2000 Banco do Brasil - Apoio total ao tênis
  2. zh.clicrbs.com.br/ Guga, Meligeni e Sá disputarão desafio Brasil x Argentina
  3. dgabc.com.br/ Desafio tempera a rivalidade sul-americana
  4. terra.com.br/ Tenistas chegam para desafio Brasil x Argentina
  5. a b terra.com.br/istoegente/ Guga estréia com vitória
  6. douradosnews.com.br/ Começa hoje o desafio Brasil x Argentina de tênis
  7. zh.clicrbs.com.br/ Definidos os confrontos do Desafio Brasil x Argentina
  8. zh.clicrbs.com.br/ Desafio Brasil x Argentina será disputado em janeiro no Rio
  9. terra.com.br/ Guga e Meligeni dão aula para crianças
  10. esportes.estadao.com.br/ Meligeni perde e Argentina faz 1x0
  11. cev.org.br/ Guga veste roupa que recusou em Sydney
  12. dgabc.com.br/ Meligeni vence Gaudio no "desafio Brasil x Argentina"
  13. zh.clicrbs.com.br/ Nalbandian vence Meligeni no desafio Brasil x Argentina
  14. zh.clicrbs.com.br/ Guga vence Gaudio e encerra confronto Brasil x Argentina