Ta-hí (Pra Você Gostar de Mim)

"Ta-hí", também conhecida como "Pra Você Gostar de Mim", é uma marcha-canção escrita por Joubert de Carvalho, gravada por Carmen Miranda em 1930 com arranjo de Pixinguinha e acompanhamento da Orchestra Victor.[1][2] O verdadeiro nome da canção é "P'ra você gostar de mim", mas o apelo da gíria foi maior.[1][3]

"Ta-hí (Pra Você Gostar de Mim)"
Single de Carmen Miranda
Formato(s) 78 rpm
Gravação 27 de janeiro de 1930
Duração 2 min 20 s
Gravadora(s) Victor Records
Composição Joubert de Carvalho

O disco vendeu cerca de 35 mil cópias, um recorde para a época,[4][5] e lançou Carmen Miranda para a fama.[3] Tanto foi o sucesso que a gravadora Victor fez um investimento inédito de uma gravadora brasileira em uma só artista, dando-lhe mais 28 músicas (14 discos) para gravar em apenas nove meses, ou seja, a cada dezoito dias saía um disco novo de Carmen Miranda.[6]

Em 2016, "Ta-hí" figurou em terceiro lugar na lista das "100 melhores músicas da história do samba" da revista Veja.[7] De acordo com o Ecad, a canção foi a sua gravação mais executada no Brasil entre julho de 2010 e março de 2015.[8]

Referências

  1. a b «P'ra você gostar de mim». Biblioteca digital Luso-Brasileira. Consultado em 9 de maio de 2017. Arquivado do original em 11 de novembro de 2017 
  2. Malta, Pedro Paulo; Aragão, Paulo; Lopes, Marcílio; Leme, Bia Paes (10 de fevereiro de 2016). «O carnaval de Pixinguinha». EBC. Consultado em 9 de maio de 2017 
  3. a b Dussek, Eduardo (2000). Carmen Miranda: melodias cifradas para guitarra, violão e teclados. São Paulo: Irmãos Vitale. p. 57. Consultado em 9 de maio de 2017 
  4. Sanches, Pedro Alexandre (7 de fevereiro de 1998). «Caixa restabelece os primeiros anos da cantora». Folha de S.Paulo. Consultado em 9 de maio de 2017 
  5. Kerber, Alessander (2007). Ídolos da música popular e construção de identidades coletivas: Carmen Miranda e Carlos Gardel como representantes das identidades nacionais do Brasil e da Arge (PDF). XXIV Simpósio Nacional de História. São Leopoldo. Consultado em 9 de maio de 2007 
  6. Santanna, Marilda (2009). As donas do canto: o sucesso das estrelas-intérpretes no carnaval de Salvador (PDF). Salvador: EDUFBA. p. 128. ISBN 978-85-232-0625-3. Consultado em 9 de maio de 2017. Arquivado do original (PDF) em 12 de agosto de 2017 
  7. «Desde que o samba é samba». Veja. 2016. Consultado em 9 de maio de 2017 
  8. «Ranking inédito do Ecad mostra as canções interpretadas por Carmen Miranda». Ecad. 11 de agosto de 2015. Consultado em 9 de maio de 2017. Arquivado do original em 23 de setembro de 2015 

Ligações externasEditar