Ta Mok (1926Phnom Penh, 21 de julho de 2006) conhecido como "O Açougueiro", era o antigo chefe militar do Quemer Vermelho e um dos seguidores mais cruéis de Pol Pot. Ele supervisionou assassinatos em massa durante os quatro anos que o regime ultramaoísta ficou no poder no Camboja.[1]

Ta Mok
Nascimento 1926
Tram Kak District
Morte 21 de julho de 2006
Phnom Penh
Cidadania Camboja
Ocupação chefe militar
Lealdade Kampuchea Democrático
Religião budismo
Causa da morte insuficiência cardíaca

Referências

  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
 
Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Ta Mok