Abrir menu principal
Takargo
Antiga locomotiva 1449 da CP, com o esquema de cores da Takargo
Razão social Takargo – Transporte de Mercadorias, S. A.
Sociedade Anónima
Atividade Transporte ferroviário de mercadorias
Gênero Operadora
Fundação 2006
Sede Linda-a-Velha
Área(s) servida(s) Península Ibérica
Locais Alverca do Ribatejo
Website oficial http://www.takargo.pt/

A Takargo – Transporte de Mercadorias, S. A. é uma operadora ferroviária portuguesa, especializada no transporte de mercadorias, e que opera em Portugal e Espanha.

Índice

HistóriaEditar

A Takargo nasceu nos finais de 2006.[1]

Em Maio de 2008, a empresa já tinha iniciado as suas provas em Portugal e planeava iniciar o serviço comercial em Outubro desse ano, com o objectivo de alcançar uma facturação de 19 milhões de Euros e uma quota de mercado de 25% no mercado português.[2] Previa-se que a Takargo iria investir cerca de 80 milhões de Euros nesta operação, dos quais 56 milhões iriam ser investidos em locomotivas.[2] A empresa previa iniciar o transporte de contentores em comboios com tracção própria entre Lisboa, Madrid e Barcelona, tendo para isso reforçado o seu parque com 14 locomotivas Euro 4000 da Vossloh.[2] Estas locomotivas estão equipadas com sistemas de sinalização e de segurança compatíveis com Portugal e Espanha, e são capazes de rebocar comboios com 600 m, transportando 75 TEUs, sem necessitar de manobras na fronteira entre Portugal e Espanha.[2]

Entre 2012 e 2014, a Takargo transportou entre 880 e 930 mil toneladas, e em 2015, ultrapassou um milhão de toneladas, tendo facturado nesse ano cerca de 10 milhões de Euros.[3] Em Março de 2015, substituiu a CP Carga no transporte de jet fuel da Galp entre a Refinaria de Sines e a Estação de Loulé, onde se fazia o transbordo rodoviário até ao Aeroporto de Faro.[3] Em 10 de Maio, a Takargo iniciou os comboios de mercadorias entre Lisboa e o Porto de Leixões.[3]

Referências

  1. «História». Takargo. Consultado em 11 de Novembro de 2016 
  2. a b c d «Breves». Via Libre (em espanhol). 45 (519). Madrid: Fundacion de los Ferrocarriles Españoles. Maio de 2008. pp. 51–54. ISSN 1134-1416 
  3. a b c CIPRIANO, Carlos (27 de Maio de 2016). «Takargo ultrapassou um milhão de toneladas transportadas em 2015». Jornal Público. 27 (9537). Lisboa: Público, Comunicação Social, S. A. 21 páginas. ISSN 0872-1548 

Ver tambémEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre a empresa Takargo

Ligações externasEditar