Abrir menu principal

The Ultimate Fighter Nations: Canadá vs. Austrália

The Ultimate Fighter Nations: Canadá vs. Austrália
Informação geral
Formato Reality show
Gênero Esportes
Duração 60 minutos
Criador(es) Frank Fertitta III, Lorenzo Fertitta, Dana White
País de origem Austrália
Idioma original inglês
Produção
Elenco Dana White, Patrick Côté, Kyle Noke
Exibição
Emissora de televisão original FX Austrália, Fox Sports 1
Transmissão original 15 de janeiro de 2014
N.º de episódios 14
Cronologia
The Ultimate Fighter: China
The Ultimate Fighter: Brasil 3

The Ultimate Fighter Nations: Canada vs. Austrália é uma temporada do reality show do Ultimate Fighting Championship (UFC), The Ultimate Fighter. Essa é a quinta temporada a ser produzida fora dos EUA e a segunda a ser filmada na Austrália.

A série foi oficialmente anunciada pelo UFC em Junho de 2013.[1] Os lutadores foram anunciados como Patrick Côté representando o Canadá e Kyle Noke representando a Austrália.[1] Isso marcou a segunda vez, seguido do The Ultimate Fighter: The Smashes, que dois ex-participantes do The Ultimate Fighter são técnicos juntos.[1] As seletivas foram realizadas em Setembro de 2013 em Sydney e Toronto.[2] Os lutadores foram observados nas divisões dos médios e meio médios.[3] Os 16 lutadores iram competir em um torneio de eliminação, com os vencedores das duas categorias coroado na finale que aconteceu em 16 de Abril de 2014.

O show irá estrear em 15 de janeiro de 2014.[4] Essa temporada é a segunda ao ir ao ar na FX Australia. Ele também irá ao ar nos Estados Unidos na Fox Sports 1.

O TUF Nations Finale aconteceu em Quebec City, Quebec em 16 de Abril de 2014.[5]

ElencoEditar

TreinadoresEditar

LutadoresEditar

Meio Médios: Chris Indich, Jake Matthews, Brendan O’Reilly e Richard Walsh.
Médios: Vik Grujic, Daniel Kelly, Tyler Manawaroa e Zein Saliba.

EpisódiosEditar

Episódio 1: Strangers in a Strange Land (15 de janeiro de 2014)
  • Os lutadores entraram no centro de treinamento do Ultimate Fighter em Quebec City, Quebec, Canadá e logo depois ambos treinadores chegaram. Côté tem a moeda para decidir a primeira escolha da luta com ele, mas após ele dizer que ele se sentia muito confiante olhando para sua equipe, ele a entrega para Noke. Ele jogou a moeda e a Equipe Canadá venceu. Côté lembra que eles tem a primeira escolha da luta e irá anunciar em alguns dias. Ele também lembra a todos para desfrutar dessa "única oportunidade na vida".
  • Durante uma cutscene Dana White anuncia que os lutadores iram receber $25,000 pelo Nocaute da Temporada, Finalização da Temporada e Luta da Temporada. Também há um bônus de $5,000 por terminar a luta em todas as lutas.
  • Ambos lutadores compartilharam suas experiências como ex-participantes do The Ultimate Fighter para suas respectivas equipes.
  • Os lutadores se encontraram na casa e tem uma sensação distintamente canadense, já a estrutura é feita quase inteiramente de madeira e é localizada em uma área remota de Quebec City.
  • Os lutadores australianos estão tendo um momento difícil com a longa viagem e fuso horário diferente de seu país natal.
  • Os lutadores encontraram White pela primeira vez durante uma conferência de vídeo via Xbox One. A primeira escolha da luta é anunciada por Côté e é entre o membro da Equipe Canadá Kajan Johnson vs. o membro da Equipe Austrália Brendan O’Reilly. Johnson queria lutar primeiro, antes mesmo de conhecer Côté.
  • Durante a noite, os lutadores canadenses discutem sobre o recorde de seus oponentes e experiência, mas os australianos ouviram tudo de seus quartos e O'Reilly os confrontou sobre o que eles estavam falando.
  • Johnson mencionou que tem algumas lesões e afirma que ele sempre luta machucado, mas mesmo nessa situação, ele afirma que é mais perigoso que todos na casa.
  • Kajan Johnson derrotou Brendan O’Reilly por Finalização (mata leão) no primeiro round.
  • Côté escolhe a próxima luta: o membro da Equipe Canadá Elias Theodorou vs. o membro da Equipe Austrália Zein Saliba.
Episódio 2: Bad Hair Day (22 de janeiro de 2014)
  • Os canadenses tem um bom tempo na casa e eles mencionam que a vitória de Jonhson os ajudou a ficar mais juntos.
  • Taleb decide escalar uma reunião privada para a Equipe Canadá após ver alguns de seus companheiros de equipe contando informações sobre suas habilidades para os australianos.
  • O lutador de MMA e quatro vezes campeão mundial de jiu jitsu brasileiro Vitor Ribeiro é convidado para ser o treinador convidado para a Equipe Canadá e faz uma seção especial com os treinadore.
  • Salibas menciona que ele não conhece nada sobre seu oponente e Theodorou tem um momento para falae sobre sua carreira como modelo e ator, além da luta.
  • A Equipe Canadá tem um jantar para Côté e os outros treinadores, incluindo o nutricionista de Côté Jean-François Gaudreau. Eles todos tem uma conversa sobre o quão importante é a nutrição para um lutador de elite.
  • É o aniversário de Kelly e seus treinadores levam-lhe um bolo para celebrar. Após Noke brincar com Kelly e a guerra de comida começar após isso entre toda a equipe.
  • Elias Theodorou derrotou Zein Saliba por decisão unânime em dois rounds.
  • Côté escolhe a próxima luta: da Equipe Team Canadá Chad Laprise vs. da Equipe Austrália Chris Indich.
Episódio 3: The Bible Thumper (29 de janeiro de 2014)
  • No início da manhã Manawaroa usou um didgeridoo para irritar os canadenses e ele teve sucesso, especialmente com Taleb.
  • O treinador de força e condicionamento Jonathan Chaimberg, que é canadense, mostra-se para ajudar a Equipe Austrália. Ele está acostumado a treinar com Laprise e Taleb da outra equipe e ele está lá para ajudar Noke. Côté menciona que Chaimberg é "tão cheio de si mesmo" que ele pode não se preocupar com seus laços com outros lutadores da equipe rival. Como Chaimberg havia pensado, a maioria dos lutadores lutam pós-treino com o ritmo intenso. Após o fim dos treinos, a Equipe Canadá chega para sua seção e encontra com Chaimberg. Alguns deles depois discutiram suas opiniões sobre o assunto.
  • Indich fala sobre sua relação com seu pai no passado e como isso o afetou. Enquanto isso, Laprise afirma que essa será a primeira vez em sua carreira que ele está completamente livre de lesões. Ele fala sobre seu caminho no esporte no pequeno caminho até o TUF e como suas fortes crenças religiosas servem como motivação para ter sucesso.
  • Manawaroa tem alguns problemas com o dedo ferido e seu peso. Os treinadores estão preocupados com isso e motivá-lo para treinar pesado e também bater o peso.
  • Indich diz que ele sente a pressão, não só para conseguir a vitória par ele mesmo, mas para conseguir a primeira vitória para sua equipe e mudar humor ao redor deles.
  • Chad Laprise derrotou Chris Indich por decisão unânime em dois rounds. A performance de Indich foi parabenizada pro todos após sua luta.
  • Côté escolhe a próxima luta: da Equipe Canada Nordine Taleb vs. o membro da Equipe Austrália Tyler Manawaroa.
Episódio 4: (5 de fevereiro de 2014)
  • Após a luta do último episódio, Indich e Taleb tiveram uma discussão em frente a equipe australiana sobre os comentários da equipe canadense de que Indich não era capaz de tomar nenhum soco e que essa série seria a primeira a contar com um dos times vencendo por 8-0 nas lutas das quartas de final. Depois na casa, é visível que a luta entre Laprise e Indich deixou ambos times mais pertos em termos de respeito, especialmente por parte de Indich.
  • Taleb e todos seus companheiros de equipe acreditam que apesar do cartel de Manawaroa, os adversários anteriores de Taleb e todos acreditam que ele tem as melhores habilidades. Enquanto isso, os australianos acreditam que seu companheiro de equipe lhes darão a primeira vitória e Manawaroa está pronto pra isso.
  • Ambos lutadores tiveram uma encarada tensa após as pesagens.
  • Tyler Manawaroa derrotou Nordine Taleb por decisão unânime após três rounds.
  • Em um hospital esperando por exames, Taleb e Manawaroa debateram suas estratégias para a luta e eles concordam que essa luta será provavelmente a Luta da Temporada.
  • Noke escolhe a próxima luta: o membro da Equipe Austrália Richard Walsh vs. o membro da Equipe Canadá Matthew Desroches.
Episódio 5: (12 de fevereiro de 2014)
  • Os lutadores estão falando sobre a mudança de ritmo na competição após a Equipe Austrália finalmente ter conseguido sua primeira vitória.
  • Taleb e Manawaroa decidiram queimar calorias juntos na casa sob a forma de uma competição de beber.
  • Na próxima seção de treinamento da Equipe Canadá, Côté tenta elevar o moral de sua equipe após sofrer a primeira derrota da temporada. Deroches recebe atenção pessoal dos técnicos já que ele se prepara para a próxima luta.
  • Walsh insiste na importância de dar sequência na vitória de Manawaroa e ajudar seu time a voltar na competição.
  • Durante os treinos, Noke e Martinez discutiram sobre resiliência de Kelly durante o treinamento, considerando que ele tem lesões no seus tornozelos e pé.
  • Apesar do pé quebrado, Taleb permanece na equipe e ajuda seus companheiros de equipe com treinos e consultoria. Ele se tornou um não oficial "quinto técnico". Depois, Westcott lesiona seu joelho durante uma seção de sparring contra Theodorou e a Equipe Canadá está preocupada que isso pode afetar seu plano de jogo atual. Eles asseguram que eles precisam da vitória na próxima luta para para se certificar que eles têm a última escolha da luta de médios.
  • Richard Walsh derrotou Matthew Desroches por decisão unânime em dois rounds.
  • Noke escolhe a próxima luta: o membro da Equipe Austrália Daniel Kelly vs. o membro da Equipe Canadá Sheldon Westcott.
Episódio 6: (19 de fevereiro de 2014)
  • Após a vitória de Walsh, Kelly explica que os canadenses parecem melhor agora que sofreram derrotas.
  • Chad Laprise expressa o desejo de lutar contra Richard Walsh, uma luta que Kajan Johnson também quer.
  • Durante os treinos, Côté está ausente e os seus técnicos assistentes assumem a seção.
  • Jake Matthews sofre uma dor no estômago durante o treino, mas o técnico assistente Israel Martinez mostra nenhum remorso e dá a Matthews um momento difícil.
  • Na casa, os lutadores recebem petiscos e cervejas para assistir o UFC 167.
  • Daniel Kelly revela que seu filho está sofrendo de uma doença rara chamada cistinose e que precisa de um transplante de rim, além de ser financialmente instável é algo que Kelly quer dar à sua família.
  • Sheldon Westcott derrotou Daniel Kelly por finalização (triângulo de braço) no primeiro round.
  • Foi revelado que Kelly havia machucado seu joelho direito durante a luta e foi levado ao hospital para tratar.
  • Côté anuncia a luta final das preliminares dos meio médios: da Equipe Canadá Olivier Aubin-Mercier vs. Jake Matthews da Equipe Austrália.

Chaves dos TorneiosEditar

Peso Meio MédioEditar

Round de Eliminação Semifinal Finale
       
   Kajan Johnson FIN
   Brendan O’Reilly 1  
   Kajan Johnson KO
     Chad Laprise 2  
   Chad Laprise DU
   Chris Indich 2  
   Chad Laprise DD
     Olivier Aubin-Mercier 3
   Matthew Desroches DU
   Richard Walsh 2  
   Richard Walsh FIN
     Olivier Aubin-Mercier 1  
   Olivier Aubin-Mercier DU
   Jake Matthews 2  

Peso MédioEditar

Round de Eliminação Semifinal Finale
       
   Elias Theodorou DU
   Zein Saliba 2  
   Elias Theodorou DU
     Tyler Manawaroa 3  
   Nordine Taleb DU
   Tyler Manawaroa 3  
   Elias Theodorou TKO
    Sheldon Westcott 2
   Sheldon Westcott FIN
   Daniel Kelly 1  
   Sheldon Westcott
     Vik Grujic  
   Luke Harris TKO
   Vik Grujic 1  
Legenda
 
  Equipe Canadá
 
  Equipe Austrália
DU
  Decisão Unânime
DM
  Decisão Majoritária
DD
  Decisão Dividida
FIN
  Finalização
(T)KO
  Nocaute (Técnico)

Bônus da TemporadaEditar

  • Luta da Temporada:   Chad Laprisse vs.   Chris Indich
  • Performance da Temporada:   Chad Laprisse (nocaute contra Kajan Johnson) e   Sheldon Westcott (finalização contra Vik Grujic)

The Ultimate Fighter Nations: Canadá vs. Austrália FinaleEditar

 Ver artigo principal: UFC Fight Night: Bisping vs. Kennedy

ReferênciasEditar