Tito Vergínio Tricosto Celimontano

Disambig grey.svg Nota: Não confundir com Tito Vergínio Tricosto Celimontano, cônsul em 448 a.C., e provavelmente seu descendente.

Tito Vergínio Tricosto Celimontano (em latim: Titus Virginius Tricostus Caeliomontanus) foi um político dos primeiros anos da República Romana que serviu como cônsul em 496 a.C.

Tito Vergínio Tricosto Celimontano
Cônsul da República Romana
Consulado 496 a.C.

ConsuladoEditar

Vergínio Tricosto foi cônsul juntamente com Aulo Postúmio Albo Regilense[1][2] Lívio conta que neste mesmo ano ocorreu a Batalha do Lago Régilo e que Postúmio abdicou de seu consulado para ser nomeado ditador[2] Dionísio de Halicarnasso relatou que Vergínio comandou uma unidade sob o comando do ditador durante a batalha[3].

Ver tambémEditar

Cônsul da República Romana
 
Precedido por:
'Aulo Semprônio Atratino

com Marco Minúcio Augurino

Aulo Postúmio Albo Regilense
496 a.C.

com Tito Vergínio Tricosto Celimontano

Sucedido por:
'Ápio Cláudio Sabino Inregilense

com Públio Servílio Prisco Estruto


Referências

  1. T. Robert S. Broughton: The Magistrates Of The Roman Republic. Vol. 1: 509 B.C. – 100 B.C. Case Western Reserve University Press, Cleveland/Ohio 1951. Unveränderter Nachdruck 1968. (= Philological Monographs. Hrsg. von der American Philological Association. Bd. 15, Teil 1), S. 12 (em inglês)
  2. a b Tito Lívio, História Romana, II, 21
  3. Dionísio de Halicarnasso, Antiguidades Romanas, VI, 2-14

BibliografiaEditar