Unidades de Resistência de Sinjar

Unidades de Sinjar Resistência (em curdo: Yekîneyên Berxwedana Şengalê; YBŞ) é uma milícia yazidi não-política formada no Iraque em 2007 para proteger a comunidade yazidi no Iraque e no Curdistão iraquiano na sequência de ataques de insurgentes iraquianos. [3] De acordo com a chefe do jornal Ezidi Press, é uma ramificação do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK).[4] É a segunda maior milícia yazidi, depois da Força de Proteção de Sinjar (HPS),[4] no entanto, é muito mais ativa do que a Força de Proteção de Sinjar na Guerra contra o Estado Islâmico.[4]

Unidades de Resistência de Sinjar
Flag of YBŞ.svg
Bandeira das YBS
País Iraque, Curdistão
Subordinação Aliança de Sinjar (até 2017)

Partido dos Trabalhadores do Curdistão (não oficialmente)

Sigla YBS
Criação 2007
História
Guerras/batalhas Guerra Civil Iraquiana

Guerra Civil Síria

Logística
Efetivo 1.500[1]
Comando
Comandante Mazlum Shengal[2]
Comandantes
notáveis
Sheikh Khairy Khedr
Sede
Página oficial http://ybs-yjs.com/
Um combatente das Unidades de Resistência de Sinjar carrega a bandeira da milícia.

Referências

  1. Abdullah, Shamal (6 de agosto de 2014). «Yazidis Form Militia To Protect Sinjar Mountain». Assyrian International News Agency (em inglês). Consultado em 7 de abril de 2017 
  2. «Yezidi forces form alliance against IS». Êzîdî Press (em inglês). 31 de outubro de 2015. Consultado em 7 de abril de 2017 
  3. Ridolfo, Kathleen (31 de maio de 2007). «Christian population dwindling due to threats, attacks». Radio Free Europe / Radio Liberty. 'We have formed a troop of the brave and faithful from the Yazidi clan called the Malik Al-Tawus [King Peacock] troop' 
  4. a b c Paraszczuk, Joanna (11 de junho de 2015). «Yazidi militias fight IS in Iraq, amid Kurdish rivalries». Radio Free Europe/Radio Liberty