Abrir menu principal
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde maio de 2019). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Urgal é o nome de uma espécie fictícia criada pelo escritor Christopher Paolini em sua série Ciclo da Herança. Eles são seres bípedes, com inteligência e aparência comparável às dos humanos.

CaracterísticasEditar

Sua naturalidade é brutal, pois vivem da guerra. Cada vila é um grupo isolado de Urgal, mas todos as vilas são bem protegidas. Uma prova de sua cultura agressiva, é que um Urgal macho precisa matar 3 outros urgals para poder conquistar uma fêmea.

Os Kull, chamada também de "Unidade de Elite dos Urgals", são urgals com mais de dois metros e trinta centímetros, mais ou menos, de altura, com força muito superior ao dos humanos.

Em poucos momentos da História da Alagaësia foram citadas alianças de urgals e humanos, elfos ou anões. Uma provável causa é seu histórico de traições, pois dependem da guerra.

Eles possuem dois chifres em sua cabeça, muito usados em combates, e, diferente dos humanos, quando querem demonstrar respeito ou submissão, deixam a cabeça erguida, pois para eles isso significa que não irão atacar com seus chifres.

No livro Eragon, primeiro livro do Ciclo da Herança, eles mantêm uma aliança secreta com o rei da Alagaësia, Galbatorix. Depois, é explicado que Durza, um espectro fiel ao rei, pôs um feitiço sobre os Urgals, obrigando-os a lutarem para Galbatorix, ao lado de membros de outras vilas, que seria considerado uma humilhação, já que membros urgals de vilas diferentes são inimigas.

Na última batalha do livro Eragon, um grande exército de Urgals invadem Farthen Dür, mas com a morte de Durza, e a anulação do feitiço, eles começam a batalhar entre si.

No livro Eldest, um grupo de 100 kull vai para a Campina Ardente propondo uma aliança com os Varden, e a líder aceita, mas Eragon mantêm desconfiança.