Abrir menu principal
Wall clock.jpg Hoje é sexta-feira, 23 de agosto de 2019, e a hora atual é 00:54 (UTC/GMT). Existem mais 1 012 493 artigos e usuários com esse timer.
NewTux.svg Este utilizador contribui usando o GNU/Linux para seres humanos Ubuntu.


Firefox Logo, 2017.svgEste(a) editor(a) contribui usando o Mozilla Firefox.
Expecting family.jpg Wikipedista que, por convicções humanistas e/ou espirituais, se opõe ao aborto e à eutanásia.


Bem-vindo(a)!

Utad3 deriva da designação do antigo servidor de rede (UNIX: DEC Ultrix) da Universidade de Trás-os-Montes e Alto DouroVila Real, Portugal — através do qual se proporcionou o meu primeiro contacto com a Internet, a 19.2 e posteriormente a 64K (!), decorria o ano de 1993...

A minha actividade profissional actual:

Algumas actividades profissionais anteriores:


O meu artigo inicial: Harold Aspden (ver versão inglesa na PowerPedia). Conheça também o artigo sobre o mais recente e PIONEIRO livro, 2006, de física e cosmologia por Harold Aspden na PowerPedia: Creation: The Physical Truth.


As minhas citações preferidas:

  • Eduquem as crianças de hoje e não será preciso castigar os homens de amanhã., atribuída a Pitágoras (582? — 496? a.C.)
  • Faz-te mercê, barão, a Sapiência / Suprema de, cos olhos corporais, / Veres o que não pode a vã ciência / Dos errados e míseros mortais., por Luís Vaz de Camões (1524-5 — 10 de Junho de 1580) in Os Lusíadas (1572)
  • There are more things in heaven and earth, Horatio, Than are dreamt of in your philosophy., por William Shakespeare (1564 — 1616) in Hamlet (1600-2)
  • O homem que compreende a sua ignorância deu o primeiro passo para o conhecimento., por Max Heindel (1865 — 1919) in CRC (1909)


 
"A criança, dada a sua imaturidade física e mental, precisa de protecção e cuidados especiais, incluindo protecção legal apropriada, tanto antes como depois do nascimento". (Declaração dos Direitos da Criança - aprovada em Assembleia Geral da ONU em 20.11.1959).
Expecting family.jpg
Wikipedista que, por suas convicções e princípios humanistas e/ou espirituais, se opõe ao aborto e à eutanásia.
«Caímos tão fundo que atrever-se a proclamar aquilo que é óbvio se transformou em dever de todo o ser inteligente». (Georges Orwell)