Valério Máximo Basílio (prefeito urbano em 319)

senador romano

[Lúcio] Valério Máximo [Basílio][nt 1] (fl. século IV) foi um senador romano que ocupou alto cargo durante o reinado do imperador Constantino (r. 306–337).

Lúcio Valério Máximo Basílio
Nacionalidade Império Romano
Ocupação Senador
Título

VidaEditar

 
Soldo de Constantino (r. 306–337), provável criador do mestre dos ofícios

Valério Máximo era membro do gente patrício Valéria do século IV, seja filho de Valério Messala, o cônsul de 280, ou (mais provável) outro descendente de Lúcio Valério Cláudio Poplícola Balbino Máximo, o cônsul em 253.[1] Especula-se que Valério Máximo casou-se com a filha de Septímio Basso e teve um filho chamado Valério Máximo.[2] Valério era pagão.[3]

O início da carreira é incerto. Deve ter tido uma carreira política de sucesso, pois foi nomeado prefeito urbano de Roma e serviu no ofício de 1 de setembro de 319 a 13 de setembro de 323.[3] Ele ficou em seu posto enquanto Constantino estava em campanha nos Bálcãs e seu filho, o césar Crispo, estava em Augusta dos Tréveros. Sua permanência anormalmente longa na posição, ainda mais na ausência imperial, ressalta a confiança imperial que o recobria.[4]

LinhagemEditar

Notas

  1. O prenome Lúcio e o agnome Basílio são assumidos.

Referências

  1. Mennen 2011, p. 127.
  2. Settipani 2000, p. 229.
  3. a b Martindale 1971, p. 589.
  4. a b Potter 2004, p. 389.
  5. Settipani 2000.
  6. Mennen 2011, p. 123.
  7. Mennen 2011, p. 125.
  8. Settipani 2000, p. 227-228.
  9. a b Mennen 2011, p. 124.
  10. a b c Mennen 2011, p. 127.
  11. a b c Settipani 2000, p. 229.
  12. Schlitz 1911.

BibliografiaEditar

  • Martindale, J. R.; A. H. M. Jones (1971). The Prosopography of the Later Roman Empire, Vol. I AD 260-395. Cambridge e Nova Iorque: Cambridge University Press 
  • Mennen, Inge (2011). Power and Status in the Roman Empire, AD 193-284. Leida: Brill. ISBN 9789004203594 
  • Potter, David S. (2004). The Roman Empire at Bay: AD 180-395. Cambridge: Cambridge University Press. ISBN 0-203-40117-4 
  • Settipani, Christian (2000). Continuité gentilice et continuité sénatoriale dans les familles sénatoriales romaines à l'époque impériale. Oxford: Linacre College