Abrir menu principal
Mapa mostrando a distribuição de inscrições de Mercúrio Visúcio (incluindo um número de variantes deste nome)

Visúcio (em latim: Visucius) era um deus galo-romano, costumeiramente identificado com Mercúrio. Foi principalmente cultuado no leste da Gália, em torno de Tréveris e no Reno; seu nome está gravado em cerca de dez inscrições dedicatórias. Uma inscrição também foi encontrada em Bordeaux. Visúcio está, com Gebrínio e Cissônio, entre os mais comuns epítetos nativos do Mercúrio gaulês.[1]

O nome às vezes tem sido interpretado como significando "dos corvos"[2] ou "versado";[3] cf. as raízes proto-célticas *weiko- 'corvo' e *witsu- 'conhecendo'.[4]

A ortografia variante ou errada Visuclo (Visuclus) também está atestada.[5]

Em uma inscrição, Visúcio tem o epíteto Solitúmaro; a mesma inscrição também honra Júpiter Ótimo Máximo e Apolo.[5]

Uma outra inscrição está co-dedicada à Santa Visúcia, tão bem quanto a Mercúrio Visúcio.[6] Esta deusa, aparentemente uma acompanhante ou análoga de Visúcio, às vezes tem sido como compararada a Rosmerta ou Maia, que também acompanha Mercúrio em muitas dedicatórias gaulesas.

Uma inscrição dedicada a Visúgio foi encontrada em Agoncillo na Espanha; esta talvez possa se referir à mesma deidade.[5]

Referências

  1. Nicole Jufer & Thierry Luginbühl (2001). Les dieux gaulois : répertoire des noms de divinités celtiques connus par l'épigraphie, les textes antiques et la toponymie. Paris: Editions Errance. ISBN 2-87772-200-7.
  2. Mary Jones. "Uisucius" Arquivado em 5 de fevereiro de 2012, no Wayback Machine. Enciclopédia Céltica de Jones, 2004.
  3. MERCURIUS - L'inventore di tutte le arte from Bifröst (in the original, Sapiente).
  4. Léxico Inglês-Proto-céltico e Léxico Inglês-Proto-céltico. University of Wales Centre for Advanced Welsh and Celtic Studies. (Ver também esta página para história e responsabilidades.)
  5. a b c Tabela de resultados para Visucius, Visuclus, e Visugius de L'Arbre Celtique.
  6. Corpus Inscriptionum Latinarum XIII:6404, transcrito em Bifröst Arquivado em 22 de julho de 2011, no Wayback Machine..