Abrir menu principal
Wendy Freedman
Freedman em 2010
Nascimento 1957 (62 anos)
Toronto
Prêmios Prêmio Magalhães (2002), Prêmio Memorial Klopsteg (2005), Prêmio Gruber de Cosmologia (2009), Petrie Prize Lecture (2015), Prêmio Dannie Heineman de Astrofísica (2016)

Wendy Freedman (Toronto, 1957) é uma astrônoma canadense, trabalhando no Instituto Carnegie. Trabalha com cosmologia observacional, desenvolvimento de galáxias e de populações estelares. Trabalhou durante mais de uma década no projeto chave do telescópio espacial Hubble para a determinação da constante de Hubble. Recebeu por isto juntamente com Robert Kennicutt e Jeremy Mould o Prêmio Gruber de Cosmologia de 2009. Apresentou a Petrie Prize Lecture de 2015 e recebeu o Prêmio Dannie Heineman de Astrofísica de 2016.[1]

É membro da Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos e da Academia de Artes e Ciências dos Estados Unidos.

ObrasEditar

  • The Expansion Rate and Size of the Universem, Scientific American, Novembro de 1992

Referências

Ligações externasEditar