William Watson

William Watson (Londres, 3 de abril de 1715 — Londres, 10 de maio de 1787) foi um médico e cientista britânico que nasceu e morreu em Londres. Seu trabalho inicial foi em botânica, e ele ajudou a introduzir o trabalho de Carolus Linnaeus na Inglaterra. Tornou-se membro da Royal Society em 1741 e vice-presidente em 1772. Foi nomeado cavaleiro em 1786.[1][2]

William Watson
Nascimento 3 de abril de 1715
Londres
Morte 10 de maio de 1787 (72 anos)
Londres
Nacionalidade Reino Unido Britânico
Prêmios Medalha Copley (1745)
Campo(s) Física, botânica

TrabalhoEditar

Em 1746, ele mostrou que a capacidade da Garrafa de Leiden poderia ser aumentada revestindo-o por dentro e por fora com folha de chumbo. No mesmo ano ele propôs que os dois tipos de eletricidade – vítrea e resinosa – postulados por DuFay eram na verdade um excedente (uma carga positiva) e uma deficiência (uma carga negativa) de um único fluido que ele chamou de éter elétrico, e que a quantidade de carga elétrica foi conservada. Ele reconheceu que a mesma teoria havia sido desenvolvida independentemente ao mesmo tempo por Benjamin Franklin— os dois homens mais tarde se tornaram aliados em questões científicas e políticas. Ele também sugeriu que a eletricidade é mais parecida com magnetismo e luz do que com um fluido, uma vez que passa através de vidro e tecido e pode ser concentrada como uma faísca para acender materiais inflamáveis.

Em 14 de agosto de 1747, ele fez um experimento para conduzir eletricidade através de um fio de 6 732 pés de comprimento em Shooter's Hill, em Londres. Em outro experimento que ele fez, o fio tinha 12 276 pés. Experimentos anteriores na França haviam tentado apenas distâncias mais curtas.[3][4]

Referências

  1. «Benjamin Franklin». web.archive.org. 1 de outubro de 2005. Consultado em 3 de abril de 2022 
  2. Weisstein, Eric W. «Watson, William (1715-1787) -- from Eric Weisstein's World of Scientific Biography». scienceworld.wolfram.com (em inglês). Consultado em 3 de abril de 2022 
  3. The Electric Telegraph, in The Eclectic Magazine of Foreign Literature, Science, and Art, Volume 34 (April 1855), p. 467, originally from The North British Review.
  4. The Electric Telegraph, The North British Review, vol. 22 (Feb. 1855), p. 290.



Precedido por
Henry Baker
Medalha Copley
1745
Sucedido por
Benjamin Robins


  Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.