Abrir menu principal
Wilza Carla
Wilza em As Loucuras de um Sedutor
Nascimento 29 de outubro de 1935
Niterói
Nacionalidade brasileiro
Morte 18 de junho de 2011 (75 anos)[1]
São Paulo
Ocupação vedete, atriz e humorista

Wilza Carla (Niterói, 29 de outubro de 1935 - São Paulo, 18 de junho de 2011) foi uma vedete, atriz e humorista brasileira.

Começou sua carreira artística como vedete no teatro de revista e como intérprete de papéis sensuais em filmes da era das chanchadas. Posteriormente, aproveitando o fato de que havia engordado bastante, celebrizou-se nos filmes do gênero "pornochanchada".

O grande momento de Wilza na televisão foi interpretando as personagens Dona Redonda e Dona Bitela, na novela Saramandaia, exibida em 1976 pela Rede Globo.[2] e reviveu a personagem na mininovela Expresso Brasil em 1987. A última novela em que atuou foi A História de Ana Raio e Zé Trovão, de 1990, produzida pela extinta Rede Manchete. Foi também jurada em programas de calouros, em especial o de Silvio Santos. A Wilza Carla foi por muito tempo partícipe dos concursos de fantasias, concorria na categoria luxo feminino.

Sérios problemas de saúde, agravados pela obesidade, afastaram-na da carreira artística a partir da década de 1990. No final de sua vida, Wilza sofria de diabetes e do Mal de Alzheimer.

Wilza Carla morreu em São Paulo, cidade onde morou em seus últimos anos de vida, em decorrência dos males que sofria. Seu corpo foi transladado para o Rio de Janeiro, onde foi sepultado no Cemitério do Caju.[3]

FilmografiaEditar

Referências

  1. «Sepultamento de Wilza Carla será nesta terça-feira». O Dia Online. Consultado em 21 de junho de 2011 
  2. «Morre em São Paulo a ex-vedete e atriz Wilza Carla». Yahoo. Consultado em 21 de junho de 2011 
  3. http://ofuxico.terra.com.br/noticias-sobre-famosos/morre-ex-vedete-wilza-carla-aos-75-anos/2011/06/20-111198.html
  4. «O Impossível Acontece». Cinemateca Brasileira. Consultado em 3 de abril de 2018 
  5. «Pra Quem Fica, Tchau». Cinemateca Brasileira. Consultado em 3 de abril de 2018 
  6. «As Loucuras de um Sedutor». Cinemateca Brasileira. Consultado em 3 de abril de 2018. Arquivado do original em 27 de setembro de 2016 
  7. Cinemateca Brasileira O Menino Arco-Íris - A Infância de Jesus Cristo [em linha]
  8. «O Portador». Memória Globo. Consultado em 3 de abril de 2018 
  9. «Saramandaia». Memória Globo. Consultado em 3 de abril de 2018 
  Este artigo sobre um ator ou atriz de cinema é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.