Abrir menu principal
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde outubro de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Under construction icon-yellow.svg
Este artigo carece de caixa informativa ou a usada não é a mais adequada. Foi sugerido que adicionasse esta.
O Arcebispo e o Chanceler, peças criadas por Capablanca, segundo a concepção do wikipedista Matt Hucke, montadas a partir de peças comuns de xadrez com o uso de estilete e cola.

O Xadrez de Capablanca é uma clássica variante do Xadrez Ortodoxo criada pelo enxadrista cubano José Raúl Capablanca.

Modificações semelhantes já haviam sido propostas séculos antes pelo enxadrista italiano Pietro Carrera.[1]

CaracterísticasEditar

As novidades introduzidas por Capablanca incluem um novo tabuleiro de 10 por 8 casas, além de duas novas peças, o Arcebispo, que combina os movimentos do Bispo e do Cavalo, e o Chanceler que une os movimentos da Torre e do Cavalo.

As novas peças possuem propriedades interessantes. Por exemplo, o Arcebispo tem a capacidade de dar sozinho o xeque-mate, desde que o Rei adversário esteja posicionado em uma das quatro casas no canto do tabuleiro

Capablanca previu que, em algumas décadas com o crescente conhecimento de estratégia e táticas pelos mestres, haveria uma grande quantidade de empates entre esses jogadores de elite. Deste modo, decidiu criar um novo jogo que preservaria o interesse pelo xadrez por mais um milênio.

Posição inicial de peçasEditar

No diagrama abaixo podemos visualizar as peças em sua posição inicial, onde o Arcebispo é colocado entre o Cavalo e o Bispo da Dama, o Chanceler fica na ala do Rei.

RoqueEditar

No Xadrez de Capablanca valem as mesma regras do xadrez normal acerca do roque, com a diferença que o rei se move três casas para os lados para rocar, no lugar de apenas duas como no Xadrez Ortodoxo.

abcdefghij
8          8
7          7
6          6
5          5
4          4
3          3
2          2
1          1
abcdefghij
Os Reis e Torres em suas posições iniciais, antes de efetuarem os roques.
abcdefghij
8          8
7          7
6          6
5          5
4          4
3          3
2          2
1          1
abcdefghij
O Rei e Torre negros após o roque grande na ala da dama, indicando-se com o símbolo O-O-O, como na notação algébrica tradicional.

O Rei e Torre brancos após o roque pequeno na ala do rei, indicando-se com o símbolo O-O, como na notação algébrica tradicional.

Edward LaskerEditar

Um dos grandes mestres norte-americanos, Edward Lasker, fez as seguintes observações em sua História do Xadrez (2.ed, pp.62–64):

ComputadoresEditar

 
Xadrez de Capablanca em sua posição inicial no programa de computador ChessV.

Na atualidade (2007), existem dois programas de computador que jogam o Xadrez de Capablanca, o ChessV e o SMIRF. Além destes, foi disponibilizado em abril de 2006 um conjunto de regras para jogar Xadrez de Capablanca no engenho Zillions of Games.

Referências

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

Programa para a prática do Xadrez de Capablanca, não necessitando instalação: apenas descompactar e executar o arquivo ChessV.exe no Windows (ainda não há versões para outros sistemas operacionais).
  A Wikipédia possui o
Portal de Enxadrismo
  Este artigo sobre enxadrismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.