Yuichi Nishimura
Em 2010, durante a partida entre Austrália e Paraguai em Sydney, Austrália.
Em 2010, durante a partida entre Austrália e Paraguai em Sydney, Austrália.
Nascimento 17 de abril de 1972 (47 anos)
Tóquio,  Japão
Filiação AJF
Árbitro FIFA 2004–2014

Yuichi Nishimura (Tóquio, 17 de abril de 1972) é um árbitro de futebol japonês.

É árbitro internacional pela FIFA desde 2004. O seu primeiro jogo internacional opôs a Tailândia aos EAU.

Partidas internacionaisEditar

Foi já seleccionado para arbitrar jogos em competições internacionais: (nomeações internacionais mais recentes)

Participou da Copa do Mundo FIFA 2010, juntamente com os assistentes Toru Sagara do Japão e Hae Sang Yeong da Coreia do Sul.[1]

Participação na Copa do Mundo de 2014Editar

Participou da Copa do Mundo FIFA 2014, juntamente com os assistentes Toru Sagara do Japão e Toshiyuki Nagi também do Japão. Foi o árbitro da primeira partida desse campeonato, opondo Brasil e Croácia. O confronto terminou 3 a 1 para o Brasil e a arbitragem de Nishimura foi apontada como tendo influenciado a decisão, ao marcar um pênalti para o Brasil considerado inexistente para analistas, quando a partida estava 1 a 1, e deixando de marcar um gol para a Croácia, quando a partida estava 2 a 1.[2][3][4]

Em virtude de erros e polêmicas na partida inaugural da Copa do Mundo FIFA 2014, a página de Nishimura na Wikipédia foi alvo de série de vandalismos, com suposições de que teria agido de modo premeditado para favorecer a seleção brasileira de futebol, anfitriã do torneio.[5]

Referências

  1. «Lista de árbitros e assistentes Copa do Mundo FIFA 2010» (PDF). Federação Internacional de Futebol. Pt.fifa.com 
  2. Relato da partida pelo jornal Estado de S.Paulo
  3. [1] Arquivado em 19 de agosto de 2014, no Wayback Machine. Reação de torcida e imprensa croata a erros de arbitragem]
  4. «Análise de arbitragem». Consultado em 13 de junho de 2014. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  5. Vandalismos em página da Wikipédia de Yuichi Nishimura (em inglês)

Ligações externasEditar